Info

Jogadores do FC Porto B alertam para os perigos da exposição solar

| FC Porto
Porto Canal com fcporto.pt

Seis jogadores do FC Porto B participaram esta quarta-feira numa ação do Instituto Português de Oncologia (IPO) do Porto relacionada com o Dia do Euromelanoma. Rui Pires, Oleg, Paulo Estrela, João Lameira, Diogo Bessa e Rui Costa submeteram-se a rastreios de cancro da pele e foram alertados para os perigos da exposição solar excessiva.

Os jovens portistas deram o exemplo, contribuíram para a sensibilização para este tema e mostraram-se satisfeitos com a experiência. Matilde Ribeiro, coordenadora da Clínica da Pele, Tecidos Moles e Osso do IPO, agradeceu a presença dos atletas do FC Porto B.

Matilde Ribeiro
“Já é habitual o FC Porto colaborar com a clínica da pele neste dia. Este dia tem dois objetivos. Por um lado, apostamos na prevenção primária, em alertar as pessoas para os cuidados que devem ter para evitar o cancro de pele, bem como alertar para a necessidade de se observarem e agirem caso surja alguma lesão nova ou uma ferida que não cicatrize. Neste dia, também fazemos rastreios de pele na tentativa de detetar precocemente lesões oncológicas da pele ou lesões percussoras dessas lesões. A mediatização que a presença destes atletas nos oferece também é importante na divulgação da missiva.”

Rui Pires
“Devem-se ter sempre muitos cuidados porque, como todos sabemos, o sol é muito perigoso. Hoje estivemos a fazer os exames e todas as pessoas deviam tirar um pouco do seu tempo e preocupar-se também em fazer este exame, porque é muito importante para a saúde. Muitas vezes não temos noção e corremos alguns riscos. Hoje aprendemos bastantes coisas. Todos devem ter cuidados, principalmente em usar sempre protetor solar.”

Diogo Bessa
“É sempre bom fazer estes exames para fazer se está tudo bem com a nossa pele. Normalmente ponho sempre protetor solar, até porque sou branquinho. Esta consulta foi boa para sabermos o que é importante e o que não é importante. Saímos daqui mais conscientes do que o sol pode fazer.”

Oleg
“Eu sou de pele clara e agora com o bom tempo tenho de ter especial cuidado. Não tendo, podemos sofrer consequências graves. Confesso que nem sempre tive muito cuidado, mas ao apanhar muito sol fui ganhando alguns sinais e agora tenho de ter um cuidado específico. O objetivo de estarmos cá é mostrarmos que nos cuidamos, que nos preocupamos. Todas as pessoas deviam preocupar-se com este assunto, que é muito delicado.”

+ notícias: FC Porto

FC Porto sagra-se pela 23ª vez campeão português de hóquei em patins

O FC Porto Fidelidade garantiu esta quarta-feira a conquista do Campeonato Nacional de hóquei em patins, o 23.º da história do clube. A equipa de Guillem Cabestany venceu o Riba d’Ave no Dragão Caixa (6-3), em jogo em atraso da 24.ª jornada, e fechou as contas do título ainda com uma ronda por disputar.

FC Porto Sofarma consagra-se campeão nacional de andebol

Já se sabia que era uma questão de tempo, mas o FC Porto Sofarma não quis adiar a festa e sagrou-se esta terça-feira campeão nacional de andebol, ao bater o Madeira SAD (29-20), no Funchal, na 8.ª jornada da 2.ª fase do Andebol 1. Com dois jogos ainda por disputar, os Dragões já asseguraram matematicamente a conquista do 21.º campeonato da história do clube, igualando assim o Sporting no número de títulos nacionais. Desde o inédito heptacampeonato, em 2015, que o FC Porto não era campeão nacional de andebol.

Atualizado 22-05-2019 11:06

Vinte anos de FC Porto pentacampeão

22 de maio de 1999. Há vinte anos, o FC Porto garantiu a conquista do Pentacampeonato, marca sem paralelo na história do futebol português. Um empate no Estádio de Alvalade, frente ao Sporting (1-1), na penúltima jornada, fechou as contas do quinto título consecutivo. Bobby Robson, António Oliveira e Fernando Santos foram os treinadores portistas neste ciclo glorioso.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.