Info

Livro ilustrado "Eleição dos bichos" explica o que é a democracia

| País
Porto Canal com Lusa

Lisboa, 16 abr 2019 (Lusa) - A história de um leão que decidiu desviar a água do rio para fazer uma piscina privada é o mote para "Eleição dos bichos", um livro ilustrado sobre democracia, eleitores e votos, que é editado agora em Portugal.

"Eleição dos bichos" é uma criação coletiva dos autores brasileiros André Rodrigues, Larissa Ribeiro, Paula Desgualdo e Pedro Markun, e foi editado em 2018 no Brasil, no âmbito de uma série de livros ilustrados sobre política, para crianças.

Segundo os autores, "Eleição dos bichos" é "um convite para a reflexão e para o diálogo construtivo entre crianças e adultos", e foi feito a partir cinco oficinas com crianças de São Paulo e Florianópolis. "É resultado de um trabalho aberto e coletivo, criado a muitas mãos".

O livro, que sai agora em Portugal pela Nuvem de Letras, relata um processo eleitoral que decorre numa floresta, com os animais a decidirem escolher um novo líder, porque descobriram que o leão tinha desviado toda a água do rio para construir uma piscina.

Coube à coruja exclamar "Sejamos uma democracia!" e explicar aos restantes animais como se processa a escolha de um novo líder da floresta e quais as regras criadas pelo comité eleitoral dos bichos.

Entre as sete regras da eleição estão "o voto é secreto", "ganha quem tiver maior número de votos" e "é proibido devorar os adversários".

Na história, os autores colocaram quatro candidatos nesta eleição dos bichos - a preguiça, a cobra, a macaca e o leão -, imaginaram a campanha eleitoral de cada um deles, explicaram o que significa ir às urnas e desvenderam o vencedor.

No final da narrativa, ilustrada com "centenas de pedaços de papel recortados com rabiscos de lápis e carvão", os autores perguntam ao leitor: "Não gostaste do resultado? Eleições é assim mesmo, vence quem for escolhido pela maioria".

As últimas páginas ficam reservadas para um glossário relacionado com a temática abordada, com palavras como "manifestação", "governo", "comício" e "eleitor".

"Eleição dos bichos" é o primeiro livro daquele coletivo editado em Portugal, mas no Brasil é o segundo volume de uma série iniciada em 2015 com o livro "Quem manda a aqui?", que tem relação mais direta com a história daquele país - ainda que envolva Portugal -, sobre povos indígenas, colonialismo, esclavagismo e ditadura militar.

SS // MAG

Lusa/fim

+ notícias: País

Associação da GNR diz que agressões a militares em serviço estão a aumentar

A Associação dos Profissionais da Guarda (APG/GNR) lamentou este sábado que o Governo "ainda não tenha considerado" os polícias como uma profissão de risco, sublinhando que cada vez mais os militares da GNR são agredidos em serviço.

Incêndio em Oiã, Aveiro, provoca quatro feridos

Um incêndio numa fábrica de bicicletas na freguesia de Oiã, Oliveira do Bairro, distrito de Aveiro, causou este sábado quatro feridos, entre eles um bombeiro, disse à agência Lusa fonte do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM).

Falta de pagamento do Estado aos hospitais privados põe em causa cirurgias

Os hospitais privados ameaçam parar de fazer cirurgias aos doentes enviados pelo Serviço Nacional de Saúde caso o Estado continue a demorar tanto tempo a pagar. Já há médicos a recusar-se a operar uma vez que depois têm de esperar mais de dois anos para receber.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.