Info

Fogo em Oliveira de Azeméis mobiliza centenas de operacionais e obriga ao corte de várias vias

Fogo em Oliveira de Azeméis mobiliza centenas de operacionais e obriga ao corte de várias vias
| País
Porto Canal com Lusa

Um meio aéreo está a reforçar o combate ao incêndio, com três frentes ativas, na freguesia de Pinheiro da Bemposta, concelho de Oliveira de Azeméis, que às 08:10 já mobilizava mais de uma centena de operacionais, e já obrigou ao corte de várias vias, segundo a Proteção Civil.

De acordo com informação disponível na página da Internet da Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC), às 08:00, o incêndio no concelho de Oliveira de Azeméis, distrito de Aveiro, mobilizava 116 operacionais, com o auxílio de 37 veículos e um meio aéreo.

O fogo, cujo alerta foi dado às 03:32 de hoje, estava às 08:00 por dominar. O vento está a dificultar os trabalhos dos bombeiros.

A esta hora, a ANPC registava um total de 21 incêndios ativos (com ocorrências em aberto), que mobilizavam 324 operacionais, 105 meios terrestres e um aéreo.

Estavam em curso 12 fogos, que mobilizavam 200 operacionais, com o apoio de 63 meios e um meio aéreo. Quatro fogos estavam em resolução e cinco em fase de conclusão.

 

+ notícias: País

Seis mortos e 11 desaparecidos incluindo duas portuguesas no naufrágio em São Tomé e Príncipe

Seis pessoas morreram e 11 estão desaparecidas, incluindo duas portuguesas e um francês, após um naufrágio de um navio em São Tomé e Príncipe, disseram à agência Lusa fontes governamentais.

25 de abril: a luta clandestina contra o regime feita através do papel

Foi das mãos de Faustina Barradas que saíram milhares de documentos do PCP que deram origem a muitas manifestações e indicações contra o regime. Tinta, letras em chumbo e prelo serviam para imprimir documentos clandestinos antes da revolução.

25 de abril: a história da coragem da eleição de um sindicato sem qualquer ligação ao regime

No inicio da década de 70, a luta de trabalhadores começava mais força, perante um um Estado Novo cada vez mais enfraquecido. A primeira vez que um sindicato conseguiu eleger um direção sem qualquer ligação ao regime foi no Porto. O presidente do sindicato dos metalúrgicos à época falou com o Porto Canal e conta-nos como foi possível ganhar esta luta.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.