Info

Magnus Andersson renova até 2022

Magnus Andersson renova até 2022
fcporto.pt
| FC Porto
Porto Canal com fcporto.pt

Magnus Andersson renovou o contrato que o liga ao FC Porto até ao final da época 2021/2022, acrescentando dois anos a um vínculo que terminava no final de 2019/2020.

O treinador sueco chegou ao clube em abril de 2018, mas só na antecâmara da época em curso é que assumiu o comando técnico da equipa de andebol dos Dragões.

Esta quinta-feira, a partir das 22h30, o Porto Canal transmite uma entrevista exclusiva com Magnus Andersson, na qual o treinador sueco aborda, entre outras coisas, esta renovação.

+ notícias: FC Porto

Miguel Queiroz renova com o FC Porto por mais duas épocas

Miguel Queiroz renovou o contrato que o liga ao FC Porto por duas épocas, até 2021. O poste internacional português, de 27 anos e 2,02m, chegou ao FC Porto em julho de 2013 proveniente do Illiabum e já ergueu todos os troféus a nível nacional de Dragão ao peito: 1 Liga Portuguesa de Basquetebol, 1 Taça de Portugal, 1 Supertaça, 1 Taça Hugo dos Santos e 2 Proliga. Após prolongar o vínculo com os Dragões, o capitão portista mostrou-se feliz por continuar a vestir de azul e branco.

Atualizado 15-06-2019 11:43

FC Porto recebe AS Monaco no jogo de apresentação da época 2019/20

O plantel principal do FC Porto regressa ao trabalho a 1 de julho (segunda-feira), no Centro de Treinos e Formação Desportiva Porto Gaia, no Olival.

Os Dragões vão realizar jogos de preparação frente ao Fulham (Estádio de Albufeira, 16 de julho), Bétis de Sevilha (Copa Ibérica, Estádio Municipal de Portimão, 19 de julho), Getafe ou Portimonense (Copa Ibérica, Estádio Municipal de Portimão, 21 de julho).

A 27 de julho, o FC Porto vai defrontar o AS Monaco no Estádio do Dragão, no jogo de apresentação aos sócios e adeptos portistas.

Ricardo Mestre vence Grande Prémio JN

Ricardo Mestre foi o grande vencedor da 29.ª edição do Grande Prémio Jornal de Notícias, cuja 6.ª e última etapa se realizou esta segunda-feira, entre o Porto e Gondomar (187,2 quilómetros). Joni Brandão (Efapel) até venceu a derradeira tirada da prova, mas o ciclista da W52-FC Porto terminou na quarta posição e segurou a camisola amarela, com 36 segundos de vantagem sobre o segundo classificado.

Atualizado 11-06-2019 11:17

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.