Info

Acidente de trabalho faz um ferido grave em pedreira de Ponte de Lima

| Norte
Porto Canal com Lusa

Um homem de 55 anos ficou esta segunda-feira ferido com gravidade na sequência de um acidente de trabalho numa pedreira na rua do Tesido, em Estorãos, no concelho de Ponte de Lima, disse à Lusa fonte da Proteção Civil.

Atualizado 12-03-2019 11:35

Segundo fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Viana do Castelo, o alerta foi dado cerca das 09:52.

O ferido grave foi transportado ao hospital de Santa Luzia, em Viana do Castelo.

Contactada pela Lusa, fonte das relações públicas do Comando Territorial da GNR de Viana do Castelo adiantou que o acidente ocorreu quando "o trabalhador se encontrava a furar uma pedra com uma broca de três metros".

"A broca terá partido, causando a queda do homem. A máquina acabou por cair em cima do trabalhador, provocando-lhe ferimentos graves", especificou.

A mesma fonte acrescentou ter sido acionada a Autoridade para as Condições de Trabalho (ACT).

Ao local compareceram seis operacionais e três viaturas dos Bombeiros Voluntários de Ponte de Lima, a Viatura da Emergência Médica (VMER) estacionada no hospital de Santa Luzia e elementos da GNR.

+ notícias: Norte

Sete novas ambulâncias do INEM destinadas ao Norte paradas devido a problemas elétricos

As novas ambulâncias do INEM que entraram ao serviço em abril estão a dar problemas no sistema elétrico. Das 20 viaturas que foram entregues, nove estão paradas sendo que sete dessas ambulâncias deviam operar em Ovar, Vila Nova de Gaia e Espinho, apurou o Porto Canal. 

Pais pedem esclarecimento sobre início das obras na ala pediátrica do Hospital de São João

A Associação Pediátrica Oncológica do Hospital de São João exige saber em concreto quando arrancam as obras da nova ala pediátrica. Tendo em conta que já foi oficializada a adjudicação da obra à construtora Casais Engenharia, os pais não entendem o porquê de não haver ainda uma data para o arranque dos trabalhos no terreno ao qual o hospital responde que o estaleiro vai ser montado no ínicio de outubro.

Antigo autarca de Cabeceiras de Basto condenado por peculato e falsificação

O Tribunal de Guimarães condenou esta segunda-feira a quatro anos e quatro meses de prisão, com pena suspensa, um ex-presidente da Junta de Freguesia de Pedraça, Cabeceiras de Basto, que se apropriou indevidamente de quase 32 mil euros pertença da autarquia.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.