Info

ICA apoia seis produções de cineastas estrangeiros com 900 mil euros

| País
Porto Canal com Lusa

Lisboa, 11 fev (Lusa) - Seis produções de realizadores estrangeiros, entre os quais do norte-americano Ira Sachs e do brasileiro Marcelo Gomes, vão receber 900 mil euros do Instituto do Cinema e Audiovisual (ICA), por terem coprodução portuguesa.

De acordo com o ICA, esses 900 mil euros dizem respeito ao concurso de 2018 de apoio à coprodução internacional de longas e curtas-metragens, de ficção e documentário, com participação minoritária portuguesa.

Apresentaram-se a concurso 27 projetos cinematográficos, tendo o júri decidido apoiar seis produções. A que leva a maior fatia financeira, de 300 mil euros, é a produção luso-francesa "Frankie", do realizador norte-americano Ira Sachs.

O filme, que chegou a ter o título de produção "A family vacation", e que deverá ter estreia comercial em setembro, foi rodado em Portugal com produção minoritária da O Som e a Fúria, de Luís Urbano, com direção de fotografia de Rui Poças e a participação de Carloto Cotta e Márcia Breia, num elenco encabeçado por Brendan Gleeson, Marisa Tomei e Isabelle Huppert.

O projeto também contou com outros 80 mil euros de apoio do ICA, no concurso de apoio luso-francês, e é apresentado como um dos filmes beneficiários do sistema 'cash rebate' do Ministério da Cultura, de incentivo para a captação de mais produções estrangeiras para o território português.

Naquele concurso do ICA para coproduções portuguesas minoritárias, além da produção de Ira Sachs, foram contemplados, por exemplo, "La práctica", do realizador argentino Martín Rejtman, pela Rosa Filmes, com 180 mil euros, e "El santa Isabel", da espanhola Paula Cons, pela Take 2000, com 171 mil euros.

"Vestido branco, véu e grinalda", longa-metragem de ficção do realizador brasileiro Marcelo Gomes, coproduzido pela Ukbar Filmes e que já tinha sido contemplado também com o apoio do protocolo luso-brasileiro, receberá agora 128 mil euros.

"Blue Valentine", curta-metragem de animação da realizadora russa Svetlana Filippova (65 mil euros), e o documentário "África vermelha", do realizador russo Alexander Markov (50 mil euros) completam a lista de produções apoiadas neste concurso.

SS // MAG

Lusa/fim

+ notícias: País

Tempo de espera nos CTT é principal causa de insatisfação dos clientes

Um inquérito da associação Deco a 1.800 clientes dos CTT revela que esperam, em média, 18 minutos para serem atendidos e que o tempo de espera é o que causa mais insatisfação.

Juízes denunciam condições indignas de trabalho em vários Tribunais do país, muitos deles no Norte

As queixas sobre o mau estado de diversos Tribunais do país levaram a que os presidentes das 23 comarcas escrevessem 3500 páginas detalhando situações como buracos por onde chove, casas de banho entupidas e até pragas de piolhos. Este é o cenário retratado pelos juízes numa análise que foi feita ao longo do ano passado e agora revelada sendo que muitos desses cenários acontecem em Tribunais do Norte do país.

Associação de Farmácias alerta que há medicamentos que estão esgotados há mais de um ano

A Associação Nacional de Farmácias alerta que há medicamentos que estão esgotados há mais de um ano. A Ministra da Saúde reconhece os problemas e garante que a situação vai ser resolvida. Os medicamentos em causa são para tratamento de doenças como Parkinson, hipertensão e diabetes.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.