Info

Escola de Espinho que perdeu parte da cobertura já reabriu

Escola de Espinho que perdeu parte da cobertura já reabriu
| Norte
Porto Canal com Lusa

A escola secundária de Espinho que sexta-feira foi evacuada após perder parte da cobertura devido ao mau tempo já reabriu "dentro da normalidade", revelou esta segunda-feira o diretor da instituição, onde decorrem agora obras para recuperação do telhado.

Em causa está a Escola Secundária Manuel Gomes de Almeida, frequentada por cerca de 1.500 alunos e aproximadamente 100 professores, auxiliares e administrativos.

O diretor desse estabelecimento de ensino, Ilídio Sá, disse à Lusa que sexta-feira foram removidas todas as placas de alumínio que caíram com o temporal e também as que se mostravam algo soltas, pelo que esta manhã, às 08:30, as aulas puderam "recomeçar dentro da normalidade" e "está tudo tranquilo".

A secretaria da escola e a sala dos professores, situadas sob o telhado destruído, "estão em condições de funcionar normalmente" enquanto decorrem agora as obras da Parque Escolar E.P.E., cujo arranque estava previsto para hoje "mesmo antes de se dar o problema de sexta-feira com a cobertura".

A presente empreitada vai focar-se apenas no telhado da zona administrativa e irá decorrer em simultâneo com a atividade normal da instituição, mas, segundo Ilídio Sá, o objetivo é que a solução agora adotada "posso depois ser replicada na cobertura dos outros edifícios da escola".

+ notícias: Norte

Piscina Municpal de Leça da Palmeira não tem rampas de acesso para utentes com mobilidade reduzida ou carrinhos de bebé

A piscina da Quinta da Conceição, em Leça da Palmeira, não tem rampas de acesso para utentes com mobilidade reduzida ou carrinhos de bebé. O equipamento balnear projetado pelo arquiteto Siza Vieira reabriu este verão após obras de requalificação.

Colisão rodoviária em Lousada faz cinco feridos. Um deles grave

Uma colisão entre dois veículos ligeiros de passageiros provocou cinco feridos, um deles em estado grave, na tarde deste sábado, na freguesia de Torno, junto à Casa de Juste, em Lousada, apurou o Porto Canal junto das autoridades.

Explosão de gás e incêndio obriga a retirar 28 idosos de lar na Feira

Uma explosão de gás num lar da terceira idade em Santa Maria da Feira, seguida de incêndio, obrigou este sábado à retirada dos 28 idosos que ali se encontravam, não havendo registo de feridos, apurou o Porto Canal junto das autoridades e disse o presidente da Câmara à Lusa.

Atualizado 20-07-2019 14:41

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.