Info

Brexit: Falta de acordo limita direitos de portugueses no Reino Unido

| Mundo
Porto Canal com Lusa

Lisboa, 11 jan (Lusa) -- No caso de 'Brexit' sem acordo, só os portugueses que tenham entrado no Reino Unido até 29 de março podem obter residência, quase menos dois anos que o período anteriormente previsto, advertiu hoje o chefe da diplomacia portuguesa.

"Se não houver acordo, a data-chave é 29 março, a partir da qual o Reino Unido se tornará um país terceiro", explicou Augusto Santos Silva à imprensa em Lisboa.

A data da saída do Reino Unido da União Europeia (UE) torna-se a data-chave para a formação de direitos, enquanto que, nos termos do acordo negociado com a UE, podiam pedir o estatuto de residente os portugueses que entrassem no país até ao fim do período de transição, 31 de dezembro de 2020, explicou.

Augusto Santos Silva falava à imprensa em Lisboa para apresentar o plano de contingência sobre direitos dos cidadãos para o caso de o acordo entre a UE e o Reino Unido ser chumbado no parlamento britânico na votação marcada para a próxima terça-feira.

MDR // ANP

Lusa/fim

+ notícias: Mundo

Coletes amarelos: Milhares manifestam-se em França pelo décimo sábado consecutivo

Milhares de "coletes amarelos" manifestaram-se, pelo décimo sábado consecutivo, em toda a França, apesar do "grande debate" nacional iniciado pelo Presidente Emmanuel Macron, visando apaziguar o descontentamento popular que dura há dois meses.

Pelo menos 20 mortos em incêndio de oleoduto no México

Pelo menos 20 pessoas morreram e 54 ficaram feridas na sequência de um incêndio de grandes dimensões num oleoduto no centro do México, anunciaram na sexta-feira as autoridades mexicanas.

Parlamento britânico chumba moção de censura ao Governo conservador de May

O Parlamento britânico rejeitou hoje uma moção de censura ao Governo conservador da primeira-ministra Theresa May, com 325 votos contra e 306 a favor.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.