Info

Homem mata duas mulheres com tiros de pistola e tenta suicidar-se em Alandroal

| País
Porto Canal com Lusa

Alandroal, Évora, 11 jan (Lusa) -- Um homem matou hoje duas mulheres, com tiros de pistola, e tentou suicidar-se de seguida, com a mesma arma de fogo, num monte perto de Terena, no concelho de Alandroal (Évora), disseram à agência Lusa fontes policiais.

Fonte do Comando Territorial de Évora da GNR indicou que os militares foram chamados para a ocorrência por volta das "11:45" e detetaram duas mulheres já mortas e uma tentativa de suicídio de um homem.

"As vítimas, incluindo as mulheres e o homem, têm entre 70 e 80 anos", avançou a fonte da GNR, escusando-se a precisar, para já, se existe "algum grau de parentesco" entre as três pessoas.

As mulheres foram "alvejadas com recurso a uma arma de fogo, uma pistola", a mesma que o alegado homicida terá utilizado para se tentar suicidar, acrescentou a fonte da GNR, referindo que a investigação está, agora, a cargo da Polícia Judiciária (PJ).

Fonte da PJ, contactada pela Lusa, disse não possuir ainda muitas informações sobre o caso, mas confirmou tratar-se de duplo homicídio, seguido de tentativa de suicídio.

O Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Évora afirmou que o alerta foi dado pouco antes do meio-dia e que a ocorrência teve lugar no Monte da Espada, perto de Terena, no concelho alentejano de Alandroal.

Para o local, foram mobilizados 16 operacionais, apoiados por sete veículos, dos bombeiros, da GNR e do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM), que enviou a ambulância de suporte imediato de vida (SIV) de Estremoz e a viatura médica de emergência e reanimação (VMER) do hospital de Évora.

RRL // MLM

Lusa/Fim

+ notícias: País

Dez distritos do continente sob aviso amarelo na quarta-feira devido ao vento

Dez distritos de Portugal continental vão estar na quarta-feira sob aviso amarelo devido à previsão de vento forte com rajadas até 75 quilómetros por hora, podendo atingir os 90 quilómetros nas terras altas.

Enfermeiros iniciam hoje greve de quatro dias

Os enfermeiros iniciam hoje uma greve de quatro dias convocada pelo Sindicato dos Enfermeiros Portugueses (SEP) para exigir a "correta contagem dos pontos para todos os profissionais" e protestar contra o encerramento do processo negocial sobre a carreira.

Dois em cada dez internamentos de crianças até dois anos devem-se a bronquiolite

A bronquiolite é responsável por dois em cada dez internamentos de crianças com menos de dois anos, revela um estudo, segundo o qual a taxa de internamentos tem vindo a crescer, principalmente nos bebés menores de três meses.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.