Info

Governo desafia ensino superior a levar alunos ao Côa para estudarem evolução

| País
Porto Canal com Lusa

Vila Nova de Foz Côa, Guarda, 06 dez (Lusa) - O secretário de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior desafiou hoje politécnicos e universidades a enviar alunos ao Vale do Côa, no âmbito do processo de aprendizagem, para melhor perceberem a evolução histórica da população mundial.

"O Parque Arqueológico do Vale do Côa [PAVC] tem uma grande importância para melhor se perceber a evolução da população, não só deste território, bem como da população mundial e, ao mesmo tempo, [para] desenvolver investigação a partir do próprio Parque a vários níveis científicos", vincou secretário de Estado Sobrinho Teixeira.

Para o governante, o desafio serve para os estudantes aprofundarem os seus trabalhos de estágio e de investigação.

"Por um lado, os alunos podem começar por dar valor à história e à arqueologia a partir do PAVC e, ao mesmo tempo, realizar um conjunto de trabalhos através de processos de investigação reais", disse Sobrinho Teixeira.

O antigo presidente do Instituto Politécnico de Bragança defendeu que se for possível, a partir da realidade do Côa, induzir os alunos a fazer uma aprendizagem real, se está a dar um passo em frente na formação académica de cada um.

O desafio foi lançado no decurso da sessão de encerramento do "Côa Symposium", que hoje terminou em Vila Nova de Foz Côa, no distrito da Guarda, e que juntou alguns dos maiores especialistas mundiais em arte rupestre.

O presidente da Fundação Côa Parque (FCP), Bruno Navarro, por seu lado, avançou que o Ministério da Ciência e Tecnologia vai testar "soluções tecnológicas inovadoras," que vão ser colocadas ao serviço dos investigadores da FCP.

"Trata-se de colocar a tecnologia ao serviço do conhecimento e do património, preservando o passado e dando a conhecê-lo a novas gerações", enfatizou o responsável.

A proposta deixada pelo secretário de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, foi bem acolhida no seio da Fundação que gere o Museu e o Parque Arqueológico.

Outras das novidades é a possível realização do "Côa Symposium" de dois em dois anos, numa abordagem de novas temáticas científicas, em diversas áreas da investigação.

FYP // MAG

Lusa/fim

+ notícias: País

Críticas à greve dos enfermeiros aumentam

Há cada mais vozes a questionar a duração e a forma como está a ser feita a greve dos enfermeiros. O Presidente da República, por exemplo, diz que a greve pode ser incompreendida pela sociedade e defende um equilíbrio entre as razões dos enfermeiros e os sacrifícios para utentes.

Descarrilamento de elétrico em Lisboa faz 28 feridos ligeiros

As autoridades conseguiram já desencarcerar todas as vítimas do descarrilamento do elétrico da carreira 25, em Lisboa, que provocou 28 feridos ligeiros, segundo o balanço dos bombeiros feito no local.

Legião da Boa Vontade entrega 800 cabazes de natal em todo o país

A Legião da Boa Vontade vai entregar em todo o país 800 cabazes de natal. Hoje cem famílias carenciadas de braga receberem alimentos e brinquedos.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.