Info

Todos os comboios de longo curso e regionais previstos até às 08:00 suprimidos

Todos os comboios de longo curso e regionais previstos até às 08:00 suprimidos
| País
Porto Canal com Lusa

Todos os comboios de longo curso e regionais previstos até às 08:00 foram suprimidos devido à greve de 24 horas do setor ferroviário que, segundo a Federação de Sindicatos, está a ter uma "forte adesão".

A porta-voz da CP -- Comboios de Portugal, Ana Portela, adiantou à agência Lusa que entre as 00:00 e as 08:00 estavam previstos 119 comboios em Lisboa, mas realizaram-se apenas 58.

"No Porto, estavam previstos 50 e realizaram-se 21 até às 08:00. Nos totais gerais do país, estavam previstos 257 e foram feitos apenas 89, ou seja, os urbanos de Lisboa e Porto", disse.

Também José Manuel Oliveira, da Federação dos Sindicatos dos Transportes e Comunicações (FECTRANS) disse à Lusa que a greve dos trabalhadores ferroviários "está a ter uma forte adesão", havendo muitos comboios suprimidos.

"Ainda é cedo para ter dados concretos uma vez que ainda há trabalhadores a entrar ao serviço, mas acreditamos que será uma grande adesão", disse.

No que diz respeito à circulação, José Manuel Oliveira destacou que os comboios de longo curso e regionais foram suprimidos e que apenas se realizaram alguns urbanos.

"Estou em Santa Apolónia [Lisboa] e aqui as bilheteiras estão encerradas e nos placards informativos a palavra normal é 'suprimido'. Os serviços comerciais da CP estão encerrados. A indicação que temos é de que este vai ser o cenário o resto do dia", concluiu.

As greves de 24 horas dos trabalhadores ferroviários, que se iniciaram às 00:00 de hoje, vão afetar a circulação de comboios em todo o país, não havendo serviços mínimos ou transportes alternativos.

O protesto de trabalhadores da CP-Comboios de Portugal, Infraestruturas de Portugal (IP) e Empresa de Manutenção de Equipamento Ferroviário (EMEF) visa reivindicar a aplicação dos acordos assinados com o Governo e administrações das empresas.

Em tribunal arbitral nomeado pelo Conselho Económico e Social (CES) foi decidido que não haveria serviços mínimos, além dos definidos por lei, ou seja circulam até ao seu destino os comboios em marcha à hora do início da greve, os comboios socorro e os de transporte de mercadorias perigosas.

Na quarta-feira, o ministro do Planeamento e das Infraestruturas, Pedro Marques, manifestou, em Bragança, a disponibilidade do Governo para negociar com os ferroviários.

A CP alertou, na terça-feira, para "fortes perturbações" na circulação de comboios, devido à greve, prevendo supressões a nível nacional em todos os serviços.

+ notícias: País

Críticas à greve dos enfermeiros aumentam

Há cada mais vozes a questionar a duração e a forma como está a ser feita a greve dos enfermeiros. O Presidente da República, por exemplo, diz que a greve pode ser incompreendida pela sociedade e defende um equilíbrio entre as razões dos enfermeiros e os sacrifícios para utentes.

Descarrilamento de elétrico em Lisboa faz 28 feridos ligeiros

As autoridades conseguiram já desencarcerar todas as vítimas do descarrilamento do elétrico da carreira 25, em Lisboa, que provocou 28 feridos ligeiros, segundo o balanço dos bombeiros feito no local.

Legião da Boa Vontade entrega 800 cabazes de natal em todo o país

A Legião da Boa Vontade vai entregar em todo o país 800 cabazes de natal. Hoje cem famílias carenciadas de braga receberem alimentos e brinquedos.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.