Info

Trump vai formalizar saída tratado de livre comércio da América do Norte

Trump vai formalizar saída tratado de livre comércio da América do Norte
| Economia
Porto Canal com Lusa

O Presidente dos Estados Unidos anunciou que vai ordenar a retirada do país do Tratado de Livre Comércio da América do Norte para pressionar o Congresso a aprovar a versão renovada do acordo.

Donald Trump falava, no sábado, aos jornalistas a bordo do avião Air Force One, durante a viagem de regresso de Buenos Aires, onde participou na cimeira do G20, para Washington.

"Em breve, vou pôr fim formalmente ao NAFTA [Tratado de Livre Comércio da América do Norte]. Foi um desastre para os Estados Unidos", afirmou.

Na capital argentina, o novo acordo entre os Estados Unidos, México e Canadá foi assinado, na sexta-feira, por Trump, o Presidente cessante do México, Enrique Pena Nieto, e o primeiro-ministro canadiano, Justin Trudeau.

Trump explicou que com esta medida terá início um processo de retirada do NAFTA, em vigor de 1994, de seis meses, prazo para o Congresso ratificar o novo acordo de comércio que assinou com o México e o Canadá, na sexta-feira, à margem da cimeira do G20

O Congresso "terá uma escolha" entre o acordo EUA-México-Canadá ou voltar a situação "pré-NAFTA, o que também funcionou muito bem", destacou.

Donald Trump fez da renegociação do NAFTA um dos temas centrais da sua presidência.

+ notícias: Economia

Rendimentos operacionais do Banco CTT sobem 27% para 23,6 ME em 2018

Os rendimentos operacionais recorrentes do Banco CTT subiram 27% no ano passado, face a 2017, para 23,6 milhões de euros, "sobretudo alavancado pelo crescimento da margem financeira (aumento de 4,5 milhões de euros), anunciaram esta quarta-feira os CTT.

Deco recebeu 29.350 pedidos de ajuda de famílias sobre-endividadas em 2018

A Deco recebeu 29.350 pedidos de ajuda de famílias em situação de sobre-endividamento, valor que supera os pedidos registados um ano antes e que chegou maioritariamente de pessoas entre os 40 e os 65 anos de idade.

Taxa turística do Porto rendeu 10,4 milhões de euros com 5,2 milhões de dormidas em 2018

A Câmara do Porto angariou 10,4 milhões de euros em 2018 com a taxa turística que começou a ser cobrada em março e se aplicou a “mais de 5,2 milhões de dormidas”, revelou esta terça-feira o vereador da Economia.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.