Info

Vieira do Minho denuncia perigo iminente em estrada. IP garante obras para a semana

| Norte
Porto Canal com Lusa

O presidente da Câmara de Vieira do Minho, António Cardoso, alertou esta quarta-feira publicamente para uma situação de "perigo iminente" na EN103, na zona de Louredo, naquele concelho, decorrente da derrocada, há meses, do muro de suporte da via.

"A derrocada registou-se já há largos meses, uma parte da estrada abriu, mas até agora a única coisa que as Infraestruturas de Portugal (IP) fizeram foi colocar alguma sinalização de perigo no local. De resto, rigorosamente nada mais foi feito", disse o autarca à Lusa.

Contactada pela Lusa, fonte da IP disse que a obra de reparação terá início na próxima semana.

António Cardoso sublinhou que se trata de uma situação de "perigo iminente", até porque o estado da estrada se tem vindo a agravar progressivamente.

"Já alertámos as IP duas vezes, uma há vários meses e outra na semana passada, mas não obtivemos qualquer resposta", acrescentou.

Disse que a derrocada ocorreu, numa extensão de cerca de 10 metros, estando um terço da uma faixa de rodagem "sem alcatrão e sem tapete, com uma cratera aberta".

Ao lado, sublinhou, há um talude com seis ou sete metros de altura.

Cardoso lembrou ainda que aquela estrada liga Braga a Chaves e a Espanha, sendo "muito frequentada diariamente por pesados de mercadorias e autocarros escolares".

Segundo a fonte da IP, após a derrocada, e como "medida de segurança dos automobilistas," o local foi "devidamente" sinalizado, tendo também sido implementou um condicionamento de tráfego.

A IP acrescenta que "de imediato procedeu à avaliação do local e deu início ao desenvolvimento de uma solução tendo em vista a reparação da via".

"Complementarmente, os técnicos da IP têm vindo a monitorizar e a acompanhar a evolução desta situação no sentido de, caso se verifique necessário, implementar medidas adicionais de modo a garantir a segurança dos utilizadores", remata a empresa.

+ notícias: Norte

Um morto e três feridos em colisão de viaturas junto à Trofa

Um homem de 21 anos morreu e três ficaram feridos numa colisão entre dois automóveis ligeiros na Estrada Nacional 14 junto à Trofa, no distrito do Porto, na madrugada deste sábado, disse à Lusa fonte dos bombeiros locais.

Greve do Metro do Porto desconvocada após acordo

A greve na Metro do Porto, marcada para os dias 17 e 31 de dezembro, foi desconvocada depois de a empresa ter chegado a acordo com o Sindicato dos Maquinistas de Caminho-de-Ferro, anunciou hoje aquela estrutura.

Reclusos de Paços de Ferreira provocaram desacatos contra greve dos guardas prisionais

Os reclusos do Estabelecimento Prisional de Paços de Ferreira provocaram hoje de manhã desacatos em protesto contra o incumprimento dos serviços mínimos decretados para a greve dos guardas prisionais, avançou à Lusa a Associação de Apoio ao Recluso.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.