Info

Presidente da República faz apelo cívico e pede aposta na prevenção da sinistralidade rodoviária

Presidente da República faz apelo cívico e pede aposta na prevenção da sinistralidade rodoviária
| Política
Porto Canal com Lusa

O Presidente da República fez este domingo um apelo cívico aos portugueses para se combater a sinistralidade rodoviária no país e pediu uma aposta das autoridades “na prevenção, na educação e na sinalização”.

Marcelo Rebelo de Sousa assinalou hoje o dia mundial em memória das vítimas da estrada com uma mensagem no ‘site’ da Presidência da República, recordando que os “dados mais recentes revelaram a lamentável inversão da tendência de decréscimo, desde 2010, dos acidentes rodoviários e vítimas mortais”

Trata-se de “uma preocupação nacional”, que “deverá refletir uma aposta na prevenção, na educação e na sinalização”, pediu.

O Presidente agradece “a todos os que, diariamente, lidam de forma empenhada com as consequências traumáticas dos acidentes rodoviários” e faz um pedido aos cidadãos, “apelando a todos os portugueses, para que, em respeito das regras e com consciência cívica, contribuam para um ambiente rodoviário mais responsável e mais seguro”.

Antes, Rebelo de Sousa lembrou que o dia mundial em memória das vítimas da estrada é assinalado, desde 2004, pela Liga de Associações “Estrada Viva”, associando-se à “homenagem pública a todos os que, tragicamente, perderam a vida nas estradas” e recordando “todos aqueles” que “perderam a sua saúde, um familiar, um amigo”.

“A sinistralidade rodoviária tem uma trágica e imensa dimensão para todos os que, diretamente, vivem com as memórias dolorosas, na maior parte das vezes permanentes, causadas pela privação traumática de alguém próximo. É um problema grave à escala mundial, mas também à escala nacional”, escreveu na nota colocada no ‘site’ da Presidência da República.

+ notícias: Política

Theresa May anuncia demissão devido ao fracasso no 'Brexit'

A primeira-ministra britânica, Theresa May, anunciou hoje que vai demitir-se da liderança do partido Conservador, desencadeando uma eleição interna cujo vencedor vai assumir a chefia do governo.

Operadores da Área Metropolitana do Porto reclamam diferencial do passe único

A Associação Nacional de Transportadores Rodoviários de Pesados de Passageiros (ANTROP) reclamou hoje uma “solução de curtíssimo prazo” para ressarcir os operadores da Área Metropolitana do Porto, que ainda não receberam “nenhum pagamento” pelo diferencial do passe único.

Caso Rui Pinto: a opinião dos candidatos das Eleições Europeias

Ao longo desta campanha vários candidatos pronunciaram-se sobre o caso do denunciante Rui Pinto. Enquanto alguns consideraram que a justiça portuguesa devia colaborar com o informático tal como certos países estão a fazer, outros consideraram que este é um não assunto.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.