Info

Lucros da EDP caem 74% até setembro para 297 ME

| Economia
Porto Canal com Lusa

Redação, 08 nov (Lusa) -- A EDP registou um lucro de 297 milhões de euros nos primeiros nove meses de 2018, um resultado inferior em 74% ao obtido em 2017, "fortemente penalizados" pela decisão do Governo sobre a alegada sobrecompensação dos CMEC.

Em comunicado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários(CMVM), a elétrica liderada por António Mexia explicou que constituiu uma provisão de 285 milhões de euros para fazer face a esta questão e que "o impacto desta provisão não recorrente no resultado líquido da EDP ascende a 195 milhões de euros, traduzindo-se num resultado líquido do grupo EDP de 297 milhões de euros" nos primeiros nove meses de 2018.

O EBITDA (resultados antes de juros, impostos, depreciações e amortizações) no mesmo período ascendeu a 2.410 milhões de euros, uma redução de 26% face ao período homólogo.

ALYN // JNM

Lusa/Fim

+ notícias: Economia

Retenção na fonte de salários médios ainda não reflete totalmente mudança no IRS

As tabelas de retenção na fonte para 2019 vão aumentar o rendimento líquido de maioria dos contribuintes, mas não refletem ainda integralmente o efeito da reorganização dos escalões do IRS e descida de taxas observado em 2018, segundo a consultora Deloitte.

Preço das casas sobe 4,3% na zona euro no 3.º trimestre e em Portugal quase o dobro

O preço homólogo das casas aumentou 4,3% tanto na zona euro quanto na União Europeia (UE) no terceiro trimestre de 2018, com Portugal a registar uma subida de quase o dobro da média (8,5%), segundo o Eurostat.

Despesa efetiva do SNS atinge 10 mil milhões e sobe 12% face a 2015

A despesa efetiva do Serviço Nacional de Saúde terá atingido em 2018 cerca de 10 mil milhões de euros, um crescimento de 12% face a 2015, segundo dados do Governo em contraponto a um relatório do Tribunal de Contas.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.