Info

António Guterres visita zona mais afetada por sismo e tsunami na Indonésia

| Mundo
Porto Canal com Lusa

Jacarta, 12 out (Lusa) -- O secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, visita hoje a zona mais afetada pelo sismo seguido de tsunami que atingiu a ilha indonésia de Celebes no final de setembro, deixando mais de 2.000 mortos.

Acompanhado pelo vice-Presidente indonésio, Jusuf Kalla, o secretário-geral da ONU vai examinar os estragos causados pelas catástrofes na cidade de Palu, onde terminam hoje as operações de resgate dos desaparecidos.

Na quinta-feira, as autoridades indonésias prolongaram por 24 horas as operações de resgate dos desaparecidos na sequência de "pedidos dos moradores".

Oficialmente o número de desaparecidos ascende a 680, mas responsáveis admitem que possam ser vários milhares dado que centenas de casas foram engolidas pela terra.

A organização Save the Children na Indonésia disse que podem estar desaparecidas até 1.500 crianças.

A presidente da organização, Selina Sumbung, referiu que o fim da missão de busca é aceite de "coração pesado".

Nugroho disse que a avaliação do custo da reconstrução ainda está a ser feita, adiantando que o "período de reconstrução deverá ser de 2019 a 2021".

Um sismo de magnitude 7,5 atingiu as Celebes no passado dia 28, tendo sido seguido de um tsunami.

De acordo com a ONU, cerca de 200 mil pessoas precisam de assistência humanitária urgente.

O país situa-se no chamado Anel de Fogo do Pacífico, zona de forte atividade sísmica, situada na convergência de três placas tectónicas (indo-pacífica, australiana e eurasiática).

A ilha turística no sul da Indonésia foi atingida por dois fortes terramotos, em 29 de julho e em 05 de agosto, seguidos por réplicas, e de um novo sismo de magnitude 6,9, em 19 de agosto.

FST (PAL)// FST

Lusa/fim

+ notícias: Mundo

Português encontrado morto em casa com sinais de violência em Moçambique

MUm português de 40 anos foi encontrado morto na casa onde residia, em Maputo, com sinais de violência, disse este sábado à Lusa o cônsul-geral de Portugal na capital moçambicana.

Encontrada cocaína em livros importados de Portugal para Sidney

Mais de 600.000 dólares em cocaína foram encontrados escondidos dentro de livros infantis importados de Portugal para Sydney, na Austrália, revela esta terça-feira a Australian Associated Press.

Oboísta português Samuel Castro morre na Suíça

Lisboa, 18 mai 2019 (Lusa) -- O oboísta português Samuel Castro Bastos, de 32 anos, morreu no sábado em Zurique, na Suíça, não sendo conhecidas as causas da sua morte, afirmou hoje à Lusa fonte do Gabinete de Comunicação da Câmara Municipal de Barcelos.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.