Info

Fragata brasileira resgata 31 refugiados sírios na costa do Líbano

| Mundo
Porto Canal com Lusa

Rio de Janeiro, Brasil, 12 out (Lusa) - Uma fragata do Brasil ajudou na terça-feira a resgatar 31 refugiados sírios, incluindo várias mulheres e crianças, de um barco à deriva na costa do Líbano, informaram na quinta-feira fontes oficiais brasileira.

A embarcação, sem combustível, foi localizada pela fragata "Liberal", um navio-tanque da Força Interina da ONU no Sul do Líbano (UNIFIL), a cerca de 65 quilómetros de Beirute, capital libanesa.

De acordo com um comunicado do Ministério da Defesa brasileiro, os imigrantes sírios, que tinham como destino Chipre, estavam "bastante debilitados" devido à falta de comida e água potável há pelo menos três dias.

A fragata vai prestar a assistência necessária até à chegada de dois barcos patrulha responsáveis pelo transporte até ao continente, acrescentou o comunicado, citado pela agência de notícias espanhola EFE.

FST // EJ

Lusa/Fim

+ notícias: Mundo

"Coletes amarelos" mobilizaram 66 mil manifestantes em França

A mobilização dos "coletes amarelos" registou este sábado um claro recuo em toda a França, com cerca de 66.000 manifestantes às 18:00, em vez dos 126.000 contabilizados à mesma hora no sábado passado, segundo números fornecidos pelo Ministério do Interior.

Novo balanço de ataque em Estrasburgo dá conta de dois mortos e 14 feridos

O balanço do ataque ao mercado de Natal em Estrasburgo, na noite de terça-feira, foi revisto esta quarta-feira de manhã pela prefeitura de Bas-Rhin, que deu conta de dois mortos, sete feridos graves e sete feridos ligeiros.

Parlamento venezuelano declara que eleições de domingo são inexistentes

A Assembleia Nacional da Venezuela, onde a oposição detém a maioria, aprovou na terça-feira um acordo no qual se declara como inexistentes as eleições locais venezuelanas de domingo por, alegadamente, violarem a Constituição.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

DESCUBRA MAIS