Info

ACT notificou Ministério Público por irregularidades nas greves da Ryanair

ACT notificou Ministério Público por irregularidades nas greves da Ryanair
| Economia
Porto Canal com Lusa

A Autoridade para a Condições do Trabalho (ACT) remeteu para o Ministério Público autos por violação da lei da greve nas paralisações da Ryanair, por "substituição de grevistas" e "coação", segundo a inspetora-geral, Luísa Guimarães.

A responsável, que está numa audição conjunta da comissão de Economia, Inovação e Obras Públicas e da comissão de Trabalho e Segurança Social sobre a atuação da ACT nas três greves dos trabalhadores da companhia aérea 'low cost', deu conta de dois autos por violação da lei que impede a substituição de grevistas e três autos de coação sobre os trabalhadores levantados nessa altura por inspetoras da ACT.

A responsável adiantou ainda que foram enviadas notificações ao Ministério Público (MP) neste âmbito, por se considerar que são questões com "matéria penal".

Entretanto, a ACT está a realizar uma ação inspetiva mais aprofundada sobre outras questões apontadas pelos trabalhadores, como seja a parentalidade, remunerações e horários de trabalho.

+ notícias: Economia

Sindicato suspende greve na CP

O Sindicato Ferroviário da Revisão e Comercial Itinerante (SFRCI) suspendeu este sábado o pré-aviso de greve marcada para segunda e terça-feira depois de o Governo ter acordado "a contratação de trabalhadores operacionais" e outras áreas necessárias da CP.

Atualizado 19-05-2019 10:54

Governo reforçou verbas para manuais gratuitos e quer incentivar a reutilização

O Ministério da Educação diz ter como prioridade o incentivo à reutilização dos manuais escolares e que já houve um reforço do orçamento para este programa, em resposta à auditoria feita pelo Tribunal de Contas (TdC).

CP alerta para "fortes perturbações" nos dias 20 e 21 devido à greve

A CP alertou esta quarta-feira para "fortes perturbações na circulação" nos dias 20 e 21 de maio devido à greve dos revisores, prevendo supressões de comboios, a nível nacional, em todos os serviços.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.