Info

Risco de incêndios vai continuar "muito elevado" nos próximos dias

Risco de incêndios vai continuar "muito elevado" nos próximos dias
| País
Porto Canal com Lusa

O risco de incêndio rural vai continuar "muito elevado" nos próximos dias, mantendo-se o alerta laranja (segundo mais grave de uma escala de cinco) até às 14:00 de quarta-feira, anunciou hoje a Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC).

Numa conferência de imprensa, realizada na sede da ANPC, em Carnaxide, o comandante nacional de operações e socorro, Duarte Costa, avançou que na quarta-feira será feita uma nova análise e decidida qual a tipologia de alerta para os próximos dias.

Segundo o comandante nacional, o risco de incêndio continua muito elevado devido ao tempo quente e seco.

Segundo Duarte Costa, nas últimas 72 horas registou-se um aumento das ocorrências de fogo, assim como um aumento dos incêndios "de maior complexidade".

"Acentua-se a tendência para o aumento da frequência de fenómenos extremos, e fora de época, nomeadamente suscetíveis de originarem grandes incêndios rurais", sustentou.

Também devido às circunstâncias meteorológicas expectáveis para a primeira quinzena de outubro, o Governo decidiu prolongar, até 15 de outubro, o período crítico de incêndios no âmbito do Sistema de Defesa da Floresta Contra Incêndios, anunciou o presidente da ANPC, Mourato Nunes.

Este prolongamento do período crítico significa que vai continuar a ser proibido fazer no espaço florestal queimadas, queimas, lançar foguetes, fumar e utilizar certos tipos de maquinas agrícolas.

+ notícias: País

Um morto e A25 cortada durante três horas após acidente na zona de Ílhavo

Uma pessoa morreu na colisão entre um automóvel e um motociclo na zona de Ílhavo, que levou ao corte da Autoestrada 25 (A25) nos dois sentidos durante cerca de três horas, disse à Lusa fonte da Proteção Civil.

PSP detém dois homens no Aeroporto de Lisboa por contrabando de tabaco

Dois homens, de nacionalidade estrangeira, com 29 e 51 anos, foram detidos pela PSP, através da Divisão de Segurança Aeroportuária, por suspeita de contrabando de tabaco no Aeroporto Humberto Delgado, em Lisboa, no valor de 6.520 euros.

Crianças e jovens já pedem aos pais para retirarem conteúdos pessoais da internet

Crianças e jovens mostram-se críticos em relação à partilha ‘online’ de conteúdos pessoais sem o seu consentimento, segundo um inquérito sobre o uso da internet, que revela que um quinto das adolescentes pede aos pais a retirada desses conteúdos.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.