Info

Greve do enfermeiros com adesão nacional entre 75% e 80%

Greve do enfermeiros com adesão nacional entre 75% e 80%
| País
Porto Canal com Lusa

A adesão à greve dos enfermeiros situa-se, hoje de manhã, entre os 75% e os 80%, segundo o Sindicato dos Enfermeiros Portugueses, que admite aumentar os números depois de apurados os dados de algumas grandes instituições.

Em declarações aos jornalistas no hospital de São José, em Lisboa, o presidente do Sindicato dos Enfermeiros Portugueses (SEP), José Carlos Martins, afirmou que estes dados "demonstram bem a indignação dos enfermeiros para com o desrespeito com que o Governo está a tratar esta classe profissional".

Sobre os serviços mais afetados devido à paralisação nacional de dois dias, que hoje se iniciou, o sindicalista apontou as consultas externas, os blocos de cirurgia nos hospitais e os centros de saúde, onde há cuidados que não estão a ser prestados.

José Carlos Martins apelou aos enfermeiros para que, no turno da tarde de hoje e na sexta-feira, continuem a manifestar a sua indignação face à postura do Governo.

Os sindicatos dos enfermeiros deram início, às 08:00 de hoje, a dois dias de greve nacional para pressionar o Governo a apresentar uma contraproposta ao diploma da carreira de enfermagem.

+ notícias: País

Retirar amianto é 50 vezes mais barato do que tratar doente de cancro

A Quercus alertou hoje que retirar uma cobertura de amianto de uma escola fica 50 vezes mais barato do que tratar um doente com mesotelioma, o cancro da pleura do pulmão provocado pela exposição àquela substância.

Ana Gomes acredita que em breve a justiça vai olhar com outros olhos par Rui Pinto

A ex-eurodeputada Ana Gomes acredita que em breve a justiça vai olhar com outros olhos para o denunciante Rui Pinto. Tudo porque em breve vai iniciar trabalhos a Procuradoria Europeia que vai ser um órgão independente com competência para investigar e levar a julgamento autores de crimes.

Crianças são as mais afetadas pela pobreza em Portugal e há cerca de 330 mil em risco

Cerca de 330 mil crianças estão em risco de pobreza em Portugal, sendo que o grupo etário até aos 18 anos é o mais afetado, o que significa que há mais crianças pobres do que adultos ou idosos.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.