Jornal Diário Jornal das 13

Regresso de cinco internacionais marca treino do FC Porto no Dragão

Regresso de cinco internacionais marca treino do FC Porto no Dragão
fcporto.pt
| FC Porto
Porto Canal com Lusa

O FC Porto treinou hoje no Estádio do Dragão, continuando a preparar a receção de sexta-feira ao Desportivo de Chaves, para a Taça da Liga, numa sessão marcada pelo regresso de cinco internacionais.

Felipe e Éder Militão, do Brasil, Chidozie, da Nigéria, e os portugueses sub-21 Bruno Costa e Diogo Leite regressaram hoje aos trabalhos nos 'azuis e brancos'.

O boletim clínico dos 'dragões' conta com cinco nomes, sendo que Aboubakar e André Pereira fizeram treino integrado condicionado, Soares e o 'reforço' Mbemba tratamento e trabalho de ginásio, e Diogo Costa esteve no ginásio e treinou condicionado.

A sessão ficou ainda marcada pela presença da diretora executiva coordenadora da Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP), que entregou prémios relativos à temporada 2017/18 a vários elementos dos campeões nacionais.

Sérgio Conceição recebeu o galardão de melhor treinador, enquanto o espanhol Iker Casillas foi distinguido com o Prémio Fair Play, e Felipe, Alex Telles, Herrera e Marega por integrarem o 'onze' do ano da I Liga, que também incluía Ricardo Pereira, entretanto transferido para o Leicester.

Na sexta-feira, no Estádio do Dragão, o FC Porto inicia a participação na edição 2018/19 da Taça da Liga na receção ao Desportivo de Chaves, da primeira jornada da terceira fase.

+ notícias: FC Porto

FC Porto Sub-17 vence em casa por 11-0 o NDS Guarda

A equipa de Sub-17 do FC Porto goleou neste domingo o NDS Guarda, por 11-0, na 5.ª jornada da 1.ª fase do Campeonato Nacional de Juniores B. Os Dragões tinham prometido uma resposta à altura depois do empate frente ao Sporting de Espinho e cumpriram o objetivo.

Sérgio Conceição: "Era importante dar esta demonstração de força"

Depois do empate em Gelsenkirchen, e recordado daquilo que aconteceu na época passada após outros jogos da Liga dos Campeões, Sérgio Conceição estava determinado a vencer em Setúbal. O FC Porto conseguiu-o e, de acordo com o treinador, com toda a justiça. No final, reprovou o relvado, aplaudiu o adversário e disse que a sua equipa podia ter feito mais golos.

Atualizado 23-09-2018 11:36

Herrera: "Estou muito feliz pelos 200 jogos e espero fazer muitos mais"

Depois da vitória em Setúbal, onde completou o jogo 200 com a camisola do FC Porto, o capitão Héctor Herrera sublinhou a importância da conquista dos três pontos no percurso para a revalidação do título e assumiu que a oportunidade de poder vestir a camisola do FC Porto é, só por si, “um orgulho” para ele.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.