Info

Vítimas mortais de acidente em Mira são menores de idade - GNR

| País
Porto Canal com Lusa

Mira, Coimbra, 12 ago (Lusa) - As duas vítimas mortais do acidente que provocou ainda 10 feridos, um em estado grave, em Mira, distrito de Coimbra, são menores de idade, disse fonte da GNR.

Fonte do comando territorial de Coimbra da GNR disse desconhecer, nesta altura, as idades dos dois mortos, afirmando apenas que "são menores", mas fonte da autarquia local disse à Lusa que se trata de um menino e de uma menina, embora sem adiantar as suas idades.

O acidente, cujo alerta foi dado às 10:20 de hoje, ocorreu na variante que liga as localidades de Mira e Praia de Mira, no litoral norte do distrito de Coimbra, envolveu três viaturas ligeiras e resultou em dois mortos e oito feridos, um em estado grave, divulgou o Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS).

Já de acordo com a fonte da Câmara Municipal, os oito feridos, "todos adultos, não são de Mira" e pertencem a duas famílias das zonas Centro e Norte do país.

O acidente, de acordo com a mesma fonte, decorreu de uma colisão frontal entre duas viaturas "numa zona entre duas rotundas, com muito bom piso, uma reta com muita visibilidade".

A terceira viatura envolvida despistou-se e capotou fora da estrada.

No local, nas operações de socorro, estão 44 operacionais apoiados por 17 viaturas e um meio aéreo.

JLS // VM

Lusa/Fim

+ notícias: País

Professores fazem greve às avaliações se "decreto do roubo" não for alterado

Os professores vão fazer greve às avaliações e uma manifestação nacional na véspera das eleições legislativas caso a recuperação de anos de serviço prevista no que consideram o "decreto do roubo" não seja alterada no parlamento.

PJ recupera as 430 unidades do potente analgésico desaparecido no início do mês

A Polícia Judiciária (PJ) anunciou este sábado ter recuperado as 430 embalagens do potente analgésico Fentanilo Basi, que haviam desaparecido no início do mês, mas não precisou o local, nem constituiu arguidos, prosseguindo ainda as investigações.

Rui Pinto vai ficar em prisão preventiva

O português Rui Pinto ficou em prisão preventiva, decidiu hoje o Tribunal de Instrução Criminal de Lisboa, onde o colaborador do 'Football Leaks' foi presente a um juiz de instrução criminal para primeiro interrogatório judicial.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.