Info

PAN questiona Governo sobre atraso de plano de prevenção na zona do fogo de Monchique

| Política
Porto Canal com Lusa

Lisboa, 07 ago (Lusa) -- O partido Pessoas-Animais-Natureza (PAN) questionou hoje o Governo sobre os atrasos na aprovação do projeto na zona de intervenção florestal da Perna Negra, Monchique, zona onde há cinco dias lavra um incêndio.

O PAN solidariza-se também, em comunicado, com a autarquia de Monchique (distrito de Faro), "bombeiros e bombeiras" a combater os fogos, assim como associações e grupos de cidadãos que "procuram salvaguardar a população, lamentando os feridos, as perdas destas populações, os animais de companhia, de pecuária e selvagens desaparecidos e feridos".

O partido, que tem um deputado eleito no parlamento, questionou ainda o executivo sobre a notícia do Público de hoje, segundo a qual a Associação do Barlavento Algarvio está a aguardar há sete meses a aprovação de um projeto para a zona de intervenção florestal da Perna Negra pelo Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF), que prevê um plano de prevenção e combate a incêndios, incluindo pontos de água, aceiros e caminhos de acesso.

"O PAN quer saber qual a justificação para o atraso na aprovação do projeto de gestão florestal da Zona de Intervenção Florestal Perna Negra, por parte do ICNF", lê-se no comunicado.

O incêndio na serra de Monchique deflagrou na sexta-feira e chegou a atingir os concelhos de Silves (também no distrito de Faro, no Algarve) e Odemira, no distrito de Beja, já no Alentejo.

Há 29 feridos ligeiros e um grave e, na segunda-feira, as autoridades indicaram que o fogo tinha já queimado uma área de 15.000 a 20.000 hectares.

O ministro da Administração Interna disse hoje que não existe nenhum plano de prevenção e combate de incêndios "pendente para aprovação" por parte do Instituto de Conservação da Natureza e Floresta referente à zona de Monchique.

"A indicação que tenho do [ministério da] Agricultura é que não existe nenhum plano pendente para aprovação", afirmou o ministro Eduardo Cabrita, adiantando que o Ministério da Agricultura vai, ainda hoje, prestar esclarecimentos sobre o assunto.

NS (GC/CC) // ZO

Lusa/fim

+ notícias: Política

António Costa confirma remodelação no Governo mas remete anúncio para Marcelo

O primeiro-ministro, António Costa, confirmou este sábado que irá haver uma remodelação no Governo, tendo já entregue as alterações ao Presidente da República, que "no momento oportuno" as anunciará.

Rui Rio acusa Governo de "perder a mão na questão social"

O presidente do PSD, Rui Rio, considerou esta sexta-feira que o Governo "perdeu a mão na questão social" acusando-o de vender Portugal como o país das maravilhas onde tudo é possível, quando a realidade é outra.

Atualizado 16-02-2019 13:23

56% dos portugueses não está interessado nas próximas Eleições Europeias

56% dos portugueses não está interessado nas próximas Eleições Europeias. A a abstenção é tradicionalmente elevada, mesmo assim, os portugueses gostam de fazer parte dos 28 e acham que a união é positiva para o país. Os dados do euro barómetro são o ponto de partida para a campanha das europeias, que são as primeiras depois do Brexit e num contexto em que os movimentos extremistas crescem pelo velho continente

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

RELACIONADAS

DESCUBRA MAIS