Info

EDP cortou eletricidade nalgumas zonas de Monchique por segurança

EDP cortou eletricidade nalgumas zonas de Monchique por segurança
| País
Porto Canal com Lusa

A EDP teve de cortar o abastecimento nalgumas localidades na zona do fogo de Monchique por questões de segurança e abasteceu de madrugada outras localidades com geradores, segundo fonte oficial da empresa.

De acordo com a diretora de comunicação da EDP Distribuição, Fernanda Bonifácio, houve zonas em que o abastecimento de eletricidade foi cortado por questões de segurança "e a pedido da Proteção Civil", nomeadamente Fóia e Caldas de Monchique, distrito de Faro.

A mesma responsável adiantou ainda à agência Lusa que há zonas sem abastecimento porque houve estruturas que ficaram destruídas pelo fogo, tendo a EDP colocado geradores nalgumas vilas durante a madrugada.

A EDP conta ter um balanço mais pormenorizado da situação ainda durante a manhã de hoje.

O incêndio que lavra desde sexta-feira em Monchique estava hoje pelas 09:15 a ser combatido por mais de 1.200 operacionais, apoiados por 14 meios aéreos e 374 viaturas.

+ notícias: País

Toda a costa portuguesa sob aviso laranja devido à agitação marítima

Toda a costa de Portugal continental está hoje e na sexta-feira sob aviso laranja devido à previsão de agitação marítima forte, segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

Em 2018 morreram 37 trabalhadores no sector da construção civil

Este ano morreram 37 trabalhadores no sector da construção civil. As contas são do Sindicato da Construção de Portugal, que admite que em 2019 possam vir a morrer mais trabalhadores, devido ao aumento do trabalho clandestino.

Portugueses gastam cada vez menos no natal

Os portugueses gastam cada vez menos no natal. Um estudo da 'Deloitte' refere que os portugueses planeiam gastar uma média de 314 euros este ano mas ainda há quem considere este valor baixo para a época festiva.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

RELACIONADAS

DESCUBRA MAIS