Info

Desceram médias de Português e Matemática nos exames nacionais do secundário

| País
Porto Canal com Lusa

As notas das disciplinas de Português e de Matemática desceram na primeira fase dos exames nacionais do ensino secundário face ao ano passado, registando médias de 11 e de 10,9, segundo o Ministério da Educação.

Em 2017, a média da nota de exame nacional foi de 11,1 a português e de 11,5 a matemática.

Entre as 22 disciplinas sujeitas a exame nacional, a que registou um maior número de provas realizadas foi a de Português, com 74.390 provas, logo seguida por Matemática A, com 45.433 provas, Biologia e Geologia, com 44.637 provas, e Física e Química A, com 43.834 provas.

No total, 324.600 provas foram realizadas, menos 7.761 do que em 2017.

As provas foram feitas em 641 escolas portuguesas e foram vigiadas por cerca de 10.000 professores.

A classificá-las estiveram 7.684 professores.

+ notícias: País

Camião desgovernado destrói fachada de habitação em Santa Maria da Feira

Um camião ficou sem travões e destruiu a fachada de uma habitação, na tarde desta qunta-feira, na freguesia de Arrifana, em Santa Maria da Feira, sem causar feridos, apurou o Porto Canal no local.

Sindicatos da Função Pública querem Estado em tribunal

Os sindicatos da Função Pública ameaçam avançar para os tribunais e para os provedores de justiça, nacionais e europeus para contestar a nova tabela remuneratória do Estado. O Presidente da República promulgou o vencimento mínimo de 635 euros, mas os trabalhadores abrangidos perdem pontos na progressão da carreira.

Milhares de médicos recusam passar receitas pelo telemóvel

A partir desta quarta-feira os médicos já podem passar receitas pelo telemóvel. A medida é possível através de uma aplicação de Prescrição Eletrónica Médica que tem como objetivo facilitar e agilizar a passagem de receitas sem papel. Ainda assim há três mil médicos que se recusam a usar o sistema informático.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.