Jornal Diário Jornal das 13

Bancada do PSD garante "concertação impecável" com Rio nas propostas sobre combustíveis

| Política
Porto Canal com Lusa

Lisboa, 11 jun (Lusa) -- A bancada do PSD garantiu hoje uma "concertação impecável" com a direção de Rui Rio nas propostas de alteração do projeto do CDS para eliminar o adicional ao Imposto sobre os Produtos Petrolíferos (ISP).

A garantia foi dada pelo vice-presidente do grupo parlamentar do PSD António Leitão Amaro, em conferência de imprensa, na Assembleia da República, em que apresentou as propostas de alteração ao projeto de lei do CDS para o fim do adicional ao ISP que os deputados sociais-democratas votaram a favor, "à revelia" da liderança do partido, de Rui Rio.

"Existe uma concertação impecável nestas propostas de alteração, afirmou Leitão Amaro, na conferência de imprensa, ao lado de Cristóvão Norte, acrescentando que essa concertação, "em bom rigor", já "existe há dois meses" quando o PSD apresentou um projeto de resolução no mesmo sentido.

Cristóvão Norte e Leitão Amaro afirmaram que as propostas de alteração não violam a chama lei-travão, que impede o parlamento de alterar receitas e despesas do Estado no período de vigência do orçamento.

O PSD afirma conseguir esse efeito indo buscar ao "excesso de receitas do IVA", relativamente ao previsto no orçamento, face à subida do preço do barril de petróleo, para "ser devolvido aos contribuintes" com uma redução equivalente no ISP".

NS (SMA) // ZO

Lusa/fim

+ notícias: Política

Distrital do PSD/Porto pede demissão do ministro da Saúde por causa do Infarmed

A direção da distrital do PSD do Porto pediu este sábado a demissão do ministro da Saúde, Adalberto Campos Ferreira, que anunciou a suspensão da transferência do Infarmed para a cidade.

CDS/PP critica Governo por "processo desastrado" com mudança do Infarmed

A presidente do CDS/PP disse este sábado que a decisão do Governo de suspender para já a transferência do Infarmed de Lisboa para o Porto é o desfecho de um processo "mal gerido e desastrado".

Governo remete decisão de transferência do Infarmed para o Porto para comissão na Assembleia da República

A deslocalização do Infarmed para o Porto dependerá da comissão da Assembleia da República que vai acompanhar os processos de descentralização dos serviços públicos, anunciou hoje o ministro da Saúde.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.