Jornal Diário Jornal das 13

Dez mortos e centenas de casas destruídas em deslizamento de terras no Afeganistão

| Mundo
Porto Canal com Lusa

Cabul, 12 jul (Lusa) - Um deslizamento de terras provocado pelo transbordo de um lago provocou pelo menos 10 mortos e centenas de casas destruídas de Panjshir, no norte do Afeganistão, anunciou hoje o Ministério de Desastres Naturais.

"Nós podemos confirmar dez mortos, centenas de casas destruídas e pessoas estão desaparecidas", disse o porta-voz do ministério, Omar Mohammadi, acrescentando que uma reunião de emergência está em andamento para assegurar ajuda aos moradores.

O porta-voz explicou que existe um reservatório natural no topo da aldeia de Peshghor, no distrito de Khenj, cujo nível de água subiu inesperadamente com o derretimento da neve sob o efeito das altas temperaturas do verão.

"A água transbordou e causou um deslizamento de terras que invadiu a aldeia", referiu Mohammadi.

Dois helicópteros foram enviados para avaliar os danos na área. Uma reunião de emergência foi convocada para organizar o resgate e "salvar aqueles que estão soterrados nos escombros ou em suas casas", disse o porta-voz.

"Colocámos todos os nossos recursos disponíveis em ação, mas como sempre, o primeiro socorro veio da população local e das aldeias vizinhas que vieram com pás para ajudar os sobreviventes", sublinhou.

Diante da gravidade da situação, o Presidente Ashraf Ghani, que está a participar da cimeira da NATO em Bruxelas, enviou uma declaração para exprimir "a sua profunda tristeza pelo incidente de Peshghor no qual tantas pessoas perderam as suas vidas".

O distrito de Khenj, famoso pelas suas esmeraldas, abriga mais de 150 aldeias espalhadas pelo vale do rio Panjshir, que fica a cerca de duas horas ao norte de Cabul.

CSR // VM

Lusa/Fim

+ notícias: Mundo

Trabalhadores do McDonald's fizeram greve nos EUA contra o assédio sexual

Trabalhadores do McDonald's realizaram, na terça-feira, em dez cidades norte-americanas, uma greve laboral contra o assédio sexual na empresa, em consonância com o movimento #MeToo.

Chuvas na Nigéria provocam 100 mortos, autoridades estimam que número aumente

As autoridades nigerianas afirmaram que 100 pessoas morreram devido às inundações provocadas pelas chuvas fortes que se fizeram sentir no país nos últimos dias.

Mais de 600 estradas bloqueadas em Hong Kong após passagem do tufão Mangkhut

Mais de 600 estradas estão bloqueadas em Hong Kong devido aos destroços provocados pela passagem do tufão Mangkhut, no domingo, que deixou mais de 200 feridos naquele território, noticiou hoje um jornal local.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.