Jornal Diário Jornal das 13

Morreu piloto da aeronave que se despenhou em Ponte de Sor

Morreu piloto da aeronave que se despenhou em Ponte de Sor
| País
Porto Canal com Lusa

O piloto da aeronave que caiu, na noite de terça-feira, perto do aeródromo municipal de Ponte de Sor, em Portalegre, não resistiu aos ferimentos "muito graves" e morreu no local, disse esta quarta-feira a GNR.

O corpo do jovem de 20 anos, de nacionalidade paquistanesa, único tripulante da aeronave, foi transportado para o Instituto de Medicina Legal de Portalegre, acrescentou a mesma fonte, contactada pelas 04:00.

A aeronave despenhou-se e foi encontrada já esta madrugada a sul do aeródromo.

De acordo com o CDOS de Portalegre, à 01:30, as equipas de socorro estavam a tentar desencarcerar o piloto por entre os destroços do aparelho, que foi encontrado a cerca de um quilómetro e meio do aeródromo.

O alerta para o CDOS de Portalegre foi dado às 22:42, referindo-se a uma eventual queda de uma aeronave, o que levou as autoridades de socorro a enviarem para o local vários meios humanos e materiais para localizar o aparelho.

Segundo a página da Internet da Autoridade Nacional de Proteção Civil, estiveram envolvidos nas operações 52 operacionais, apoiados por 19 viaturas, entre GNR, INEM, Bombeiros e Proteção Civil Municipal.

+ notícias: País

Irregularidades na reconstrução de casas em Pedrógão Grande motiva queixa ao Ministério Público

A Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro (CCDRC) vai pedir ao Ministério Público que investigue obras de duvidosa legalidade em habitações na zona atingida pelo incêndio de Pedrógão Grande, em 2017, foi hoje anunciado.

Falhas nos sistemas informáticos causam caos nas matrículas escolares

As falhas nos sistemas informáticos escolares causaram vários problemas nas matrícula de muitos alunos. A lentidão e os bloqueios do sistema provocaram filas longas e fizeram muitos pais ficaram horas à espera.

Sindicato dos Enfermeiros denuncia encerramento de 245 camas nos hospitais

O Sindicato dos Enfermeiros denunciou que, até quarta-feira, foram encerradas 245 camas em hospitais de todo o país, segundo informações que recebeu na sua plataforma de denúncias, acrescentando que mais camas deverão ser suspensas.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.