Info

Índice ultravioleta em valores extremos a muito elevados em todo Portugal Continental

Índice ultravioleta em valores extremos a muito elevados em todo Portugal Continental
| País
Porto Canal com Lusa

O índice ultravioleta vai registar este domingo valores extremos e muito elevados em todo o território de Portugal Continental e também na Madeira, um índice que torna a exposição ao sol particularmente perigosa.

Segundo o ‘site’ do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), os distritos de Évora e Beja são os que apresentam hoje níveis extremos de índice ultravioleta (índice 11), que faz as autoridades recomendarem que se evite a exposição ao sol “o mais possível”.

Os restantes distritos de Portugal Continental terão hoje índices ultravioletas considerados muito elevados (de 8 a 10), tal como a Região Autónoma da Madeira.

Nos índices “muito elevados” as autoridades pedem cuidados e proteção na exposição solar e aconselham a que as crianças evitem apanhem sol.

Nos Açores, a ilha do Faial regista também um índice ultravioleta muito elevado, mas as restantes ilhas apresentam valores moderados.

Os índices ultravioleta variam entre 1 e 2, com risco de exposição à radiação baixo; 3 a 5, considerado moderado; 6 a 7 (elevado); 8 a 10 (muito elevado) e superior a 11 (extremo).

+ notícias: País

Camião desgovernado destrói fachada de habitação em Santa Maria da Feira

Um camião ficou sem travões e destruiu a fachada de uma habitação, na tarde desta qunta-feira, na freguesia de Arrifana, em Santa Maria da Feira, sem causar feridos, apurou o Porto Canal no local.

Sindicatos da Função Pública querem Estado em tribunal

Os sindicatos da Função Pública ameaçam avançar para os tribunais e para os provedores de justiça, nacionais e europeus para contestar a nova tabela remuneratória do Estado. O Presidente da República promulgou o vencimento mínimo de 635 euros, mas os trabalhadores abrangidos perdem pontos na progressão da carreira.

Milhares de médicos recusam passar receitas pelo telemóvel

A partir desta quarta-feira os médicos já podem passar receitas pelo telemóvel. A medida é possível através de uma aplicação de Prescrição Eletrónica Médica que tem como objetivo facilitar e agilizar a passagem de receitas sem papel. Ainda assim há três mil médicos que se recusam a usar o sistema informático.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.