Jornal Diário Jornal das 13

Mulher violentamente agredida num bar em Vila Nova de Famalicão

| Norte
Porto Canal com Lusa

Uma mulher de 38 anos foi, esta terça-feira à noite, "violentamente agredida" num bar da localidade de Pedome, concelho de Vila Nova de Famalicão, estando o alegado agressor em fuga, disse à agência Lusa fonte do Comando de Braga da GNR.

Atualizado 04-07-2018 15:15

A mesma fonte explicou que foi recebida às 19:40, via 112, uma ocorrência de que teria sido violentamente agredida uma mulher que se encontrava dentro de um bar encerrado, na localidade de Pedome.

"Quando chegou ao local, a patrulha da GNR encontrou a mulher com múltiplos ferimentos no corpo", disse a fonte da GNR, não avançando com mais pormenores sobre os ferimentos ou a arma utilizada, uma vez que a investigação vai passar para a Polícia Judiciária do Porto, que é aguardada no local.

A fonte da GNR disse que estão a tentar identificar e a localizar o suspeito, que se encontra em fuga.

A Correio da Manhã TV (CMTV), em direto do local, dava conta de que o alegado agressor seria o namorado da vítima, que terá dito ao patrão que tinha morto a mulher, tendo este relatado o ocorrido ao 112.

Segundo aquela estação, a mulher apresentava muitos ferimentos de cortes em várias partes do corpo.

+ notícias: Norte

Área Metropolitana do Porto revela inexistência de meios de monitorização das alterações climáticas

Um estudo da Área Metropolitana do Porto revela que a inexistência de meios de monitorização das alterações climáticas, prejudica a adaptação dos dezassete municípios. Prever riscos ou ameaças é o objetivo do estudo.

Ministro Santos Silva inaugura novas instalações dos Serviços Consulares no Porto

Os serviços consulares do Porto foram renovados com novas valências que permitem coordenar autarquias e ministério dos negócios estrangeiros no apoio aos portugueses espalhados pelo mundo. O investimento rondou os 200 mil euros, a inauguração contou com a presença do ministro Augusto Santos Silva .

Empresa de Viana do Castelo contesta penhora e acusa Finanças de ultrapassar o dobro da dívida

A empresa Auto Viação Cura, de Viana do Castelo considera insólita a penhora feita pela Autoridade Tributária à empresa num valor superior ao dobro do que a empresa deve. Em protesto, vários autocarros foram estacionados à porta das Finanças.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.