Jornal Diário Jornal das 13

Marcelo nos EUA em 26 e 27 de junho para encerrar mês de Portugal e encontro com Trump

| Política
Porto Canal com Lusa

Lisboa, 13 jun (Lusa) -- O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, visita Washington em 26 e 27 de junho para encerrar o Mês de Portugal nos Estados Unidos e para um encontro com o líder norte-americano, Donald Trump, foi hoje anunciado.

O anúncio oficial da deslocação - a segunda este mês aos Estados Unidos - foi feita hoje pela Presidência da República, em nota publicada no "site" www.presidencia.pt.

Além de "reforçar os sólidos laços de amizade e cooperação que unem Portugal e os EUA, este Mês de Portugal e esta reunião" com Trump são uma "oportunidade para sublinhar o sucesso e a boa integração da comunidade portuguesa e lusodescendente nos EUA, abordar o futuro e aprofundamento das relações bilaterais entre os dois países e debater temas relevantes da agenda internacional", lê-se na nota.

Depois de "um encontro, a sós", na Casa Branca, entre Marcelo Rebelo de Sousa e Donald J. Trump, segue-se "uma reunião alargada" das delegações dos dois países que, no caso de Portugal, incluirá o ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva.

Esta é a segunda deslocação, este mês, de Marcelo aos Estados Unidos, depois de ter assinalado, com o primeiro-ministro, António Costa, o Dia de Portugal, dias 10 e 11 de junho, junto dos emigrantes portugueses e lusodescendentes em Boston e New Bredford, Massachusetts, e Providence, Rhode Island.

No início do mês, numa conferência sobre as relações luso-americanas, em Lisboa, Marcelo Rebelo de Sousa qualificou a presença institucional portuguesa nos Estados Unidos da América em junho como "um ato de diplomacia pública", salientando que, após as comemorações do Dia de Portugal, na costa leste, o primeiro-ministro faria um périplo por várias cidades norte-americanas, que está a acontecer estes dias.

O mês de Portugal nos Estados Unidos tem previstas, desde o início de junho, mais de 130 ações em 60 cidades norte-americanas, incluindo a deslocação de Marcelo a Boston, enquanto o primeiro-ministro, António Costa, faz uma deslocação mais prolongada, até sábado, dia 16, que o levará também à Califórnia.

No dia em que chegou aos Estados Unidos, Marcelo Rebelo de Sousa anunciou que vai voltar também em novembro próximo, numa deslocação em que incluirá a costa oeste norte-americana e zonas com grande presença de portugueses como Fall River, que não visitou na primeira deslocação.

NS (IEL/PMF/JH) // JLG

Lusa/Fim

+ notícias: Política

Ministro diz que Traje à Vianesa tem condições para ser candidato a património mundial

O ministro da Cultura afirmou este sábado, em Viana do Castelo, onde marcou presença no cortejo da Romaria d' Agonia, que o Traje à Vianesa "tem todas as condições" para integrar a lista indicativa de Portugal a Património Mundial.

Governo decreta dispensa de trabalhadores que sejam bombeiros nos distritos em alerta

O Governo determinou esta sexta-feira a dispensa de funcionários públicos e do setor privado que sejam ao mesmo tempo bombeiros nos distritos em alerta vermelho "face ao significativo agravamento do risco de incêndio florestal".

BE quer aproximar salários dos trabalhadores aos dos gestores

O Bloco de Esquerda (BE) quer diminuir a desigualdade salarial entre os gestores e os trabalhadores da mesma empresa em Portugal, avançando com um projeto de lei que abre a porta à fixação de rácios.

Atualizado 18-08-2018 11:50

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.