Info

Sindicato denuncia falta de "radiologia com presença física" de madrugada no São João

| Norte
Porto Canal com Lusa

O secretário-geral do Sindicato Independente dos Médicos lamentou esta terça-feira que “num hospital de referência como o São João”, no Porto, “não exista radiologia com presença física no período entre as 01h00 e as 08h00 no serviço de urgência”.

Atualizado 12-06-2018 16:14

“É lamentável que isso aconteça, porque é fundamental a presença física de um radiologista para os colegas da cirurgia ou da ortopedia fazerem a cirurgia. Se não estiver um radiologista em presença física, muitas vezes não fazem a cirurgia, adiam-na”, afirmou Roque da Cunha.

Em declarações à Lusa, o dirigente do SIM defende que “é fundamental que tal como o Hospital de Santa Maria (Lisboa) tem presença física de radiologistas, o Hospital de Coimbra tem presença física, o Hospital de São João também tenha presença física de um radiologista”.

Sobre a oportunidade da denúncia, uma vez que a administração do “São João” disse à Lusa que o esquema do Serviço de Imagiologia se mantém inalterado desde há 10 anos, Roque da Cunha afirmou que “só na semana passada” o sindicato teve “a confirmação objetiva de que não há presença física de radiologista” naquele período.

“Já tínhamos denúncias, mas era necessário documentação onde isso estivesse expresso. Não podemos crer que haja medicina de segunda num hospital de referência como é o Hospital de São João”, frisou.

Questionada pela Lusa, a administração do Centro Hospitalar de São João (CHSJ) afirmou que o “São João” assegura “um serviço de qualidade na área da imagiologia, em todas as especialidades, com um esquema que se mantém inalterado há 10 anos. Não houve qualquer mudança recente”.

Numa resposta escrita enviada à Lusa, o CHSJ garante “24 horas de radiologia convencional, 24 horas de neurradiologia e 24 horas de neurradiologia de intervenção. Entre 08:00 e a 01:00 a TAC (Tomografia Computorizada) de Corpo é assegurada exclusivamente pelo CHSJ”.

Já no período entre a 01:00 e as 08:00, admitiu que o serviço “é assegurado por telerradiologia. Os exames são feitos no CHSJ e os relatórios são feitos à distância”.

“Entre as 08:00 e a 01:00, a Ecografia é assegurada pelos profissionais do CHSJ. Entre a 01:00 e as 08:00 só ecografias emergentes, realizadas pelo Serviço de Urgência”, acrescenta.

O dirigente do Sindicato Independente dos Médicos lamentou que o conselho de administração do CHSJ não responda à denúncia do SIM “reorganizando, para ter radiologia em presença física”.

“Dispensamo-nos de referir as múltiplas situações clínicas em que uma simples ecografia é um precioso auxiliar para o diagnóstico e atitude terapêutica em contexto de urgência”, lê-se na página do SIM na Internet.

Acrescenta que “o Sindicato Independente dos Médicos lida bem com a indignação precoce e quando promove as suas denúncias tem para elas suporte documental”.

+ notícias: Norte

Demissionários do Hospital de Gaia admitem que muitos dos problemas têm "anos"

Diretores e chefes de serviço demissionários do Centro Hospitalar de Vila Nova de Gaia/Espinho admitiram que muitos dos problemas existentes já "têm anos", num memorando remetido à Comissão Parlamentar de Saúde e a que a Lusa teve hoje acesso.

Ministério da Educação acompanha “situações pontuais” identificadas em escola da Maia

O Ministério da Educação avançou esta quarta-feira que está a acompanhar "situações pontuais identificadas" por pais da Escola EB1/JI do Lidador, concelho da Maia, avançado em primeira mão pelo Porto Canal, garantindo que está a procurar "salvaguardar um ambiente salutar na aprendizagem".

Relação mantém pena máxima para cinco condenados por morte de empresário de Braga

A Relação do Porto manteve esta quarta-feira as penas de 25 anos de prisão aplicadas em primeira instância a cinco dos principais condenados por sequestro e homicídio de um empresário de Braga, cujo corpo acabou dissolvido em ácido sulfúrico.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

RELACIONADAS

DESCUBRA MAIS