Info

Câmara de Oeiras retoma transporte Combus para deslocações entre freguesias

| Política
Porto Canal com Lusa

Oeiras, Lisboa, 11 jun (Lusa) -- O serviço de cariz social Combus, que disponibiliza carreiras urbanas de transporte coletivo entre freguesias no concelho de Oeiras, foi hoje retomado, após uma paragem de quatro anos, para complementar a rede de transportes públicos existente.

Servindo essencialmente a população idosa e desempregada, o Combus pretende "assegurar as deslocações de curta distância no quotidiano", indicou a Câmara Municipal de Oeiras, referindo que as carreiras urbanas vão circular, inicialmente, no percurso da freguesia de Algés, Linda-a-Velha e Cruz-Quebrada/Dafundo.

"Até junho do próximo ano deverá cobrir todas as freguesias do concelho", avançou a autarquia, acrescentando que o recomeço deste serviço de transporte vai ser feito "de modo experimental e com uma nova imagem, mais apelativa".

Na fase inicial, o Combus vai transportar a população de forma gratuita, "tendo depois um custo de 0,50 cêntimos", informou o município de Oeiras.

"Este serviço tem por objetivo colmatar lacunas dos oeirenses relativamente à rede de transportes públicos existente, nomeadamente ao nível do acesso a instituições e a serviços tais como mercados, centros de saúde, igrejas, farmácias e sedes de juntas de freguesia", afirmou a autarquia.

Fruto de uma parceria entre a Câmara Municipal de Oeiras e a transportadora Vimeca, o serviço Combus foi inaugurado em junho de 2007 e suspenso em 28 de fevereiro de 2014, no mandato autárquico anterior - presidido pelo independente Paulo Vistas -, "o que motivou alguma contestação por parte dos munícipes, tendo mesmo sido feitas petições para trazê-lo de volta", disse o atual executivo, liderado por Isaltino Morais.

SYSM // MCL

Lusa/fim

+ notícias: Política

Presidente da República preocupado com aumento da mortalidade infantil

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, mostrou-se esta segunda-feira preocupado com o aumento da mortalidade infantil, defendendo que é preciso apurar as causas para que "não se volte a repetir no futuro".

Atualizado 22-01-2019 11:13

Catarina Martins enaltece passes mais baratos e pede mais transportes

A coordenadora do BE, Catarina Martins, elogiou este domingo a medida orçamental negociada com o Governo para a descida do preço dos passes de transportes públicos, mas defendeu que deve ser acompanhada de mais investimento para haver mais meios disponíveis.

Assunção Cristas lamenta desinteresse de Costa por setor da saúde "em rutura"

A presidente do CDS-PP, Assunção Cristas, lamentou este sábado e o desinteresse do chefe do Governo pelo setor da saúde, descrevendo-o como "em rutura" devido à "austeridade escondida", numa conferência sobre o tema organizada pelo partido na sede de Lisboa.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.