Jornal Diário Jornal das 13 Último Jornal

Taça da Europa de bilhar apresentada no Estádio do Dragão

| FC Porto
Porto Canal com fcporto.pt

A edição de 2018 da Taça da Europa de bilhar às três tabelas foi oficialmente apresentada na manhã desta terça-feira, no Auditório José Maria Pedroto, no Estádio do Dragão. A 60.ª edição da prova vai decorrer entre os dias 6 e 10 de junho, na Academia de Bilhar do Estádio do Dragão, que receberá os melhores do mundo desta variante de bilhar.

Atualizado 06-06-2018 11:37

Presente nesta apresentação oficial esteve o presidente Jorge Nuno Pinto da Costa, que não escondeu a grande vontade de ver os Dragões a voltar a levantar a taça referente à conquista da mais importante prova europeia de clubes.

Lado a lado com o líder portista esteve também Alípio Jorge, responsável máximo do bilhar portista, para falar sobre a mais complexa organização desportiva que a secção já teve a seu cargo, e também o campeão mundial Daniel Sánchez, que garantiu que os portistas irão saber lidar com a pressão de entrar em jogo como detentores do título.

Pinto da Costa
“Há 60 anos que o FC Porto perseguia este objetivo, ser campeão europeu. Conseguiu-o no ano passado com grande mérito e brilhantismo e, como se costuma dizer, não há uma sem duas. É isso que vamos tentar e seria uma grande alegria, igual à do ano passado. Vejo esta organização com satisfação e tranquilidade. Satisfação pelo reconhecimento do mérito e do prestígio internacional no que respeita à organização destas provas. Com tranquilidade porque sei o que a minha gente é capaz de fazer. De certeza que, como sempre, vão fazê-lo bem.”

Alípio Jorge
“Ao fim de 60 anos a perseguir o título o FC Porto chega finalmente a esta prova como campeão. Como detentor do título tem o privilégio de organizar a fase final este ano, que se vai realizar de modo diferente. Todos os grupos de qualificação que habitualmente jogavam em vários locais pela Europa vão jogar-se aqui. Foi preciso replicar a Academia. O Dragão oferece condições extraordinárias. A competição será a mais renhida de todos os tempos. Das 25 equipas, 14 são certamente candidatas ao título, incluindo aqui o FC Porto. Daniel Sánchez, Dick Jaspers, Rui Manuel Costa e João Ferreira serão a base da equipa. As credenciais são muitas e as esperanças também. Vamos ter os melhores do mundo aqui a jogar e a verdade é que em alta competição o fator emocional conta muito. Há esse fator, mas também há outros. E todos eles estão no ADN do FC Porto. Entre eles a garra, como se viu o ano passado. Vai ser a organização mais complexa a nível desportivo. É a primeira vez que isto acontece em 60 anos…e há quem diga que esta responsabilidade só poderia ser dada ao FC Porto. Pelas características técnicas tudo isto exige uma logística tremenda. Vai ser um grande espetáculo para ver ao vivo e no Porto Canal.”

Daniel Sánchez
“Acho que pressão existe sempre, mas tivemos mais no ano passado, porque procurávamos a primeira vitória. Tínhamos muita pressão a jogar em casa. Acho que jogámos a um nível incrível, em especial os dois jogadores portugueses. Talvez ninguém acreditasse, mas a verdade é que foi uma vitória espetacular. Este ano é um privilégio defender o título. Há pressão, mas já demonstrámos no ano passado que podemos com ela e que podemos defender o título.”

+ notícias: FC Porto

FC Porto ergue Taça de Portugal de hóquei em patins pela 17.ª vez, a terceira consecutiva

O FC Porto conquistou este domingo a Taça de Portugal de hóquei em patins pela 17.ª vez, a terceira consecutiva, ao vencer na final o Valongo por 3-2 no prolongamento, depois do empate 2-2 no tempo regulamentar.

FC Porto qualifica-se para a final da Taça de Portugal de hóquei em patins

O FC Porto, vencedor das duas últimas edições, qualificou-se este sábado para a final da Taça de Portugal de hóquei em patins, ao vencer o Riba d'Ave, da II divisão, por 6-2.

FC Porto em basquetebol fecha temporada com derrota frente à Oliveirense

O FC Porto perdeu na noite desta sexta-feira frente à Oliveirense, por 69-93, no jogo 3 da final dos Playoffs da Liga Portuguesa. No Dragão Caixa, a equipa de Oliveira de Azeméis ganhou vantagem durante o segundo período e os portistas não conseguiram alterar o rumo do encontro. Este resultado permite à Oliveirense festejar o título nacional.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.