Info

Bruxelas dá dois meses a Portugal para transpor regras de inspeção automóvel

| Economia
Porto Canal com Lusa

Bruxelas, 17 mai (Lusa) -- A Comissão Europeia solicitou hoje a Portugal que transponha integralmente uma série de leis comunitárias do chamado "pacote Inspeção Técnica Automóvel", ameaçando recorrer para o Tribunal de Justiça se tal não suceder no prazo de dois meses.

No quadro dos processos de infração hoje movidos contra os Estados-membros por incumprimento da legislação comunitária, a Comissão indica que o pacote legislativo sobre inspeções técnicas, adotado em 2014 para melhorar a segurança rodoviária na União Europeia, deveria ter sido transposto pelos Estados-membros até 20 de maio de 2017, mas "até à data, Portugal, Eslovénia e Espanha não o fizeram, ou apenas o fizeram parcialmente", razão pela qual enviou hoje pareceres fundamentados aos três países.

O executivo comunitário precisa que Portugal e Eslovénia "não adotaram, não publicaram nem comunicaram à Comissão as medidas nacionais de transposição das regras atualizadas sobre inspeção técnica periódica dos veículos a motor e seus reboques".

A diretiva em causa abrange os veículos ligeiros de passageiros, camiões, autocarros, reboques de pesados, motociclos e tratores com velocidade superior a 40 km/hora e define os elementos a verificar durante a inspeção técnica, os métodos de verificação, as deficiências e a respetiva avaliação. Esta lei comunitária também introduz requisitos mínimos para as instalações de inspeção, a formação dos inspetores e os organismos de supervisão.

"Todos os Estados-membros em causa têm agora dois meses para responder. Caso contrário, a Comissão poderá decidir instaurar-lhes uma ação no Tribunal de Justiça da UE", adverte Bruxelas.

ACC // JNM

Lusa/fim

+ notícias: Economia

Lucro da Ryanair desce 7%, em seis meses, para 1,2 mil milhões de euros

O lucro da Ryanair desceu 7% para 1,2 mil milhões de euros, em seis meses até 30 de setembro, informou esta segunda-feira a transportadora aérea, que registou, porém, a subida de receitas e de passageiros.

Registos de alojamento local aumentam de 14 mil para 77 mil em quatro anos

O alojamento local em Portugal cresceu cinco vezes nos últimos quatro anos, aumentando de 14 mil registos em 2014 para mais de 77 de mil estabelecimentos este ano, segundo o Registo Nacional de Estabelecimentos de Alojamento Local (RNAL).

Portugal importou mais de 300 mil toneladas de peixe este ano e exportou 153 mil toneladas

Portugal já importou mais de 300 mil toneladas de peixe este ano, o equivalente a 1.295.160 euros, maioritariamente oriundo de Espanha, Suécia, Países Baixos e China, segundo os dados compilados pelo Observatório do Mercado Europeu da Pesca e da Aquicultura.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.