Jornal Diário Jornal das 13

Aumento das dormidas e proveitos no Norte confirma "atratividade" do destino

Aumento das dormidas e proveitos no Norte confirma "atratividade" do destino
| Norte
Porto Canal com Lusa

O Turismo do Porto e Norte considerou hoje que a subida de 9,2% das dormidas e de 21,3% dos proveitos na região em janeiro “reflete a atratividade” do destino e coloca desafios na promoção da sua “sustentabilidade”.

“Depois de fecharmos 2017 com o número de dormidas que prevíamos alcançar em 2020, o início do ano continua a refletir a atratividade que o Porto e o Norte têm vindo a desenvolver nos seus mercados e continua a elevar a fasquia da responsabilidade que temos em saber promover a sustentabilidade do destino”, afirmou o presidente da Turismo do Porto e Norte de Portugal, em declarações à agência Lusa.

Segundo Melchior Moreira, é agora “fundamental continuar o trabalho em rede, cativando os visitantes para o todo que é este território”, assim como “reforçar a aposta na formação e na oferta de qualidade e, claro, aumentar a estada média”.

Segundo dados do Instituto Nacional de Estatística (INE), em janeiro a região do Porto e Norte registou mais 29,4 mil dormidas do que no mesmo mês de 2017, o que representa um aumento de 9,2%, para 386,30 mil dormidas.

Nos proveitos totais registou-se um crescimento de 21,3% (2,5 milhões de euros), para 21,3 milhões de euros, enquanto o RevPar (receita por quarto disponível) aumentou 8,4%, para 23,6 euros (mais 1,8 euros).

Já a estada média cresceu 3% em janeiro, situando-se nas 1,67 noites, e a taxa líquida de ocupação-cama cresceu 2%, para 28,1%.

+ notícias: Norte

Radares da VCI no Porto já comunicam excessos de velocidade a quem pode multar

Os radares da Via de Cintura Interna (VCI), no Porto, já "comunicam automaticamente" excessos de velocidade à Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR), que agora pode multar quem circule a mais de 80 quilómetros/hora, revelou a Infraestruturas de Portugal.

PJ de Braga detém mulher para cumprir 20 anos de prisão por homicídio e roubo

A Polícia Judiciária de Braga deteve hoje uma mulher de 41 anos para o cumprimento de 20 anos de prisão por homicídio qualificado e roubo a um homem em 2008.

Despiste na A28 faz um morto e obriga a corte de trânsito em Vila Nova de Cerveira

Um homem morreu hoje no despiste da viatura ligeira em que seguia, na autoestrada A28, no sentido sul-norte, em Vila Nova de Cerveira e obrigou ao corte de trânsito na faixa contrária, disse fonte da proteção civil.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.