Jornal Diário Jornal das 13

Polícia recolhe em praias do Norte fardos que suspeita serem de haxixe

| Norte
Porto Canal com Lusa

Dois fardos que se supõe serem de haxixe foram hoje encontrados nas praias de Quebrada, em Lavra, Matosinhos, e da Baía, em Espinho, disse fonte da Polícia Marítima, acrescentando que o produto vai ser entregue à Judiciária.

Atualizado 13-03-2018 11:50

Em declarações à Lusa, o capitão de Porto do Douro, Rodrigues Campos, confirmou que uma patrulha da Polícia Marítima identificou hoje, pelas 14:00, na praia Quebrada (Matosinhos) um fardo de cerca de 80 quilos e que “poderá ser de haxixe, mas com características diferentes do habitual”.

“Apareceu um fardo que poderá ser de haxixe, embora as características sejam diferentes do habitual, porque tem forma de cubo, mas com a consistência resinosa e, normalmente, o fardo aparece com pacotes embalados”, explicou.

Em Espinho, o fardo encontrado hoje, de manhã, na praia da Baía, em Espinho, tem características e peso semelhantes.

Neste caso, foi a PSP que o encontrou e retirou o produto do areal, comunicando de seguido os factos à Polícia Marítima.

+ notícias: Norte

Taxistas do Porto continuam paralisação "apesar das contas para pagar"

Os cerca de 300 taxistas em protesto na avenida dos Aliados, no Porto, contra a nova legislação das plataformas eletrónicas de transporte prometem continuar a concentração "apesar das contas que há para pagar no final do mês".

Associação "Um lugar para o Joãozinho" foi afastada do projeto da pediatria mas continua a angariar fundos para a obra

O projeto da pediatria do S. João ia ser construído com financiamento privado, através de fundos angariados pela Associação Humanitária "Um lugar para o Joãozinho". Esta IPSS foi afastada do processo, pelo Hospital e pelo Governo, mas continua a angariar fundos para a obra.

'Kolkata Monsoon Relief': portuense cria projeto solidário para ajudar famílias na Índia

Há um português que está na India a ajudar familias de sem abrigo. O projeto de Tomás Magalhães consiste na entrega de kits plástico protector, uma rede mosquiteira e um conjunto de primeiros socorros e no total já conseguiu ajudar 4200 familias.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.