Jornal Diário Jornal das 13 Último Jornal

Tribunal Arbitral decide serviços mínimos para comboios na greve de segunda-feira

Tribunal Arbitral decide serviços mínimos para comboios na greve de segunda-feira
| País
Porto Canal com Lusa

O Tribunal Arbitral definiu serviços mínimos para o transporte ferroviário durante a greve marcada para segunda-feira na Infraestruturas de Portugal, para garantir 25% da circulação em Lisboa e no Porto, e nos comboios alfa, intercidades e internacionais.

Vários sindicatos da Infraestruturas de Portugal (IP) agendaram uma greve para segunda-feira e a CP já tinha avisado que iriam registar-se "fortes perturbações e supressões em todos os serviços", não estando prevista a disponibilização de transportes alternativos.

Segundo a decisão do Tribunal Arbitral nomeado pelo Conselho Económico e Social, disponível no sítio de internet desta entidade, a definição de serviços mínimos para a Infraestruturas de Portugal, decidida por unanimidade, contempla disponibilização de canal para a realização de circulações, como os comboios urbanos de Lisboa e Porto, correspondente a cerca de 25% da realização em horário normal.

Fica também decidida a criação de condições para a realização de 25% das ligações regionais e dos comboios Alfas, Intercidades e Internacionais.

Para os clientes que tenham bilhetes adquiridos para viajar em comboios dos serviços Alfa Pendular, Intercidades e Regional que não se realizem devido à greve, a CP informou que vai permitir o reembolso do valor total ou a revalidação para outro dia ou comboio.

Os trabalhadores das empresas do grupo Infraestruturas de Portugal (IP) decidiram fazer uma greve em defesa de aumentos salariais imediatos de cerca de 4% já que dizem não ter aumentos desde 2009.

Está a ser negociado um acordo coletivo de trabalho que vai vigorar nas empresas do grupo IP (IP -- Infraestruturas de Portugal; IP- Telecom; IP -- Engenharia e IP -- Património).

A IP é a empresa pública que resultou da fusão entre a Rede Ferroviária Nacional -- REFER e a EP - Estradas de Portugal.

+ notícias: País

Motociclista morre em despiste na cidade das Caldas da Rainha

Um homem de 36 anos morreu este domingo num acidente de motociclo na cidade de Caldas da Rainha, no distrito de Leiria, disse fonte dos Bombeiros Voluntários de Caldas da Rainha.

Incêndio na zona de Badajoz que mobilizou meios portugueses está extinto

O incêndio rural de grandes dimensões que lavrou este sábado na zona de Badajoz (Espanha) e que mobilizou meios portugueses, foi considerado extinto cerca das 15:00, disse à agência Lusa fonte da Proteção Civil.

Ordem dos Médicos averigua acesso indevido a dados de doentes no Hospital do Barreiro

A Ordem dos Médicos vai averiguar a alegada criação de falsos perfis médicos no Centro Hospitalar Barreiro Montijo que permite que profissionais não médicos acedam a processos clínicos.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.