Info

Hugo Soares anuncia eleições para "eleger uma nova direção parlamentar" do PSD

| Política
Porto Canal com Lusa

Lisboa, 14 fev (Lusa) -- O líder parlamentar do PSD, Hugo Soares, anunciou hoje que irá "devolver a palavra aos deputados para eleger uma nova direção parlamentar", depois de Rui Rio lhe ter manifestado o desejo de trabalhar com outra liderança de bancada.

Por isso, confirmou o próprio à Lusa, irá "devolver a palavra aos deputados para eleger uma nova direção parlamentar".

A decisão do líder parlamentar está a ser anunciada aos deputados numa reunião da bancada do PSD e foi tomada depois de um encontro que decorreu no passado sábado com Rui Rio, no qual o líder eleito do PSD lhe terá manifestado "o desejo de trabalhar com outra direção parlamentar".

O líder parlamentar do PSD recordou que, como referiu em entrevista à Antena 1 em dezembro, falaria com o novo presidente do PSD, fosse ele quem fosse, e "embora o Grupo Parlamentar do PSD seja um órgão autónomo não há presidente do Grupo Parlamentar contra a vontade determinada do presidente do Partido".

SMA // VAM

Lusa/fim

+ notícias: Política

Catarina Martins enaltece passes mais baratos e pede mais transportes

A coordenadora do BE, Catarina Martins, elogiou este domingo a medida orçamental negociada com o Governo para a descida do preço dos passes de transportes públicos, mas defendeu que deve ser acompanhada de mais investimento para haver mais meios disponíveis.

Assunção Cristas lamenta desinteresse de Costa por setor da saúde "em rutura"

A presidente do CDS-PP, Assunção Cristas, lamentou este sábado e o desinteresse do chefe do Governo pelo setor da saúde, descrevendo-o como "em rutura" devido à "austeridade escondida", numa conferência sobre o tema organizada pelo partido na sede de Lisboa.

Governo identifica quase duas centenas de pedreiras em situação crítica

O Governo identificou em 13% das pedreiras que dependem do Estado central, ou seja, 191 casos, "situações críticas", de acordo com o primeiro levantamento exaustivo das maiores pedreiras existentes em Portugal continental, a que o Expresso teve acesso.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.