Jornal Diário Jornal das 13 Último Jornal

Anacom estabelece novos indicadores de qualidade com "metas mais exigentes" para CTT

| Economia
Porto Canal com Lusa

Lisboa, 11 jan (Lusa) -- A Autoridade Nacional de Comunicações (Anacom) divulgou hoje 24 novos indicadores de serviço dos CTT - Correios de Portugal até 2020, visando garantir um "maior nível de qualidade do serviço postal universal" através de "metas mais exigentes".

Em comunicado, a Anacom informa que "os CTT irão estar obrigados ao cumprimento de um conjunto de 24 indicadores de qualidade de serviço, que comparam com os 11 indicadores anteriores", tendo sido "fixadas metas mais exigentes".

Segundo o regulador, "para além de um padrão de qualidade de cada serviço em termos da respetiva velocidade de entrega, foi estabelecido uma meta de fiabilidade que deverá ser cumprida em 99,9% dos casos, com a qual se pretende evitar que o tráfego remanescente seja entregue muito para além do padrão definido".

Ao mesmo tempo, "passa a ser obrigatório o cumprimento do valor do objetivo fixado para cada indicador", enquanto anteriormente se considerava um limiar abaixo do qual era aplicada uma penalização, adianta a Anacom.

ANE // MSF

Lusa/Fim

+ notícias: Economia

Banco espanhol BBVA vai passar a sucursal em Portugal

O BBVA Portugal vai passar de filial a sucursal, segundo informação disponível no 'site' do grupo, em que refere que este continua a ser "um mercado muito importante" e que o objetivo é dar à operação maior capacidade de gestão.

Lesados do BES exigem que Carlos César cumpra promessa de reembolsar totalidade do dinheiro

Os lesados do BES voltaram à contestação nas ruas do Porto. Os antigos clientes concentraram-se em frente à Distrital do Partido Socialista para exigir o reembolso total do dinheiro que perderam com a resolução do banco, promessa que Carlos César realizou, caso o PS fosse Governo.

Febase quer aumento salarial de 3% para os bancários

Lisboa, 16 jan (Lusa) -- A Federação do Setor Financeiro (Febase) informou hoje que formalizou, junto das instituições de crédito, uma proposta de aumento salarial de 3% para 2018.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

RELACIONADAS

DESCUBRA MAIS