Info

Raríssimas: Associados devem apresentar listas até 29 de dezembro

| País
Porto Canal com Lusa

Lisboa, 15 dez (Lusa) -- Os associados da Raríssimas que queiram apresentar listas candidatas à direção e conselho fiscal da associação devem fazê-lo até ao dia 29 deste mês, sendo a Assembleia-Geral da instituição no dia 3 de janeiro.

A Assembleia Geral Extraordinária é convocada depois da demissão da presidente da direção, Paula Brito Costa, na sequência da reportagem da TVI sobre alegadas irregularidades nas contas da Raríssimas, tendo a reportagem apresentado documentos que colocam a agora ex-presidente da associação como suspeita de utilizar fundos da Instituição Particular de Solidariedade Social (IPSS) para fins pessoais.

Segundo a convocatória da Assembleia-Geral Extraordinária, a que a agência Lusa teve acesso, "sugere-se aos associados que, estando interessados em apresentar listas, o façam com a brevidade possível e, em qualquer caso, até ao dia 29 de dezembro".

A Assembleia-Geral Extraordinária está marcada para dia 3 de janeiro às 10:00 no salão do quartel da Associação dos Bombeiros Voluntários da Moita, mas antes disso é necessário tempo para preparar os boletins de voto, já que a eleição dos membros é feita por voto secreto.

ARP // HB

Lusa/fim

+ notícias: País

Rotura em conduta da EPAL faz abater piso em Alcântara e obriga a cortar trânsito

O trânsito na Rua Maria Pia, em Lisboa, está cortado nos dois sentidos por causa de uma rotura numa conduta da EPAL, que provocou o abatimento do piso, disse à Lusa fonte do Regimento de Sapadores Bombeiros.

Buscas por pescadores desaparecidos em Esmoriz continuam pelo terceiro dia

As buscas para encontrar os três pescadores desaparecidos ao largo de Esmoriz, no distrito de Aveiro, durante a noite ocorreram sem sucesso, tendo sido reforçadas esta quarta-feira de manhã, disse à Lusa o comandante Fernando Pereira da Fonseca.

Plástico reciclado com químicos perigosos presente em brinquedos em Portugal

Brinquedos e acessórios de cozinha e de cabelo feitos com plástico reciclado à venda em Portugal estão contaminados com substâncias tóxicas, alertou esta quarta-feira a associação ambientalista ZERO.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

RELACIONADAS

DESCUBRA MAIS