Jornal Diário Jornal das 13

Elias e Domingues marcam encontro nas 'meias' do 'challenger' de Montevideu

| Desporto
Porto Canal com Lusa

Montevideu, 10 nov (Lusa) -- Os tenistas Gastão Elias e João Domingues qualificaram-se hoje para as meias-finais do 'challenger' de Montevideu, no Uruguai, nas quais se vão defrontar, estando garantida, assim, uma presença lusa na final.

Gastão Elias, 121.º jogador mundial, superou o argentino Guido Pella, 66.ª e segundo cabeça de série, por 2-1, com os parciais de 4-6, 6-4 e 6-2, em duas horas e 20 minutos, somando o quinto triunfo em sete embates com o jogador sul-americano.

Por seu lado, João Domingues, 172.º da hierarquia, bateu igualmente um jogador mais cotado, o brasileiro Rogerio Dutra Da Silva, 93.º e quarto cabeça de série, que bateu também em três 'sets', por 7-6 (7-5), 2-6 e 6-2, em duas horas e 25 minutos.

Na outra meia-final, o argentino Nicolas Kicker, 97.º da tabela ATP e terceiro pré-designado, vai medir forças com o vencedor do embate ente uruguaio Pablo Cuevas, 38.º e cabeça de série número 1, e o argentino Facundo Bagnis, 150.º.

PFO // PFO

Lusa/Fim

+ notícias: Desporto

FC Porto vai processar judicialmente Varandas Fernandes. Benfica reage

O FC Porto instruiu hoje o seu departamento de jurídico para proceder judicialmente contra Varandas Fernandes, mas o Benfica considera que "será uma excelente oportunidade para o rival esclarecer como cometeu o crime de divulgação de correspondência privada".

Revista Sábado revela como o Benfica terá tentado fugir à Justiça

No caso E-Touperia, a revista Sábado revela os argumentos apresentados pela defesa de Luís Filipe Vieria e da SAD Benfiquista. Escreve a publicação que a defesa tentou adiar audições e evitar a constituição da SAD como arguida, tendo pedido mesmo o afastamento do procurador.

Rui Pinto é o principal suspeito da PJ de ter roubado emails ao SL Benfica

O pirata informático Rui Pinto é o principal suspeito da Polícia Judiciária de ter roubado milhares de emails do SL Benfica. O português opera a partir da Hungria e está também associado ao desvio de dinheiro de um banco nas Ilhas Caimão, ao 'football leaks' e a ataques ao fundo Doyen, Sporting e FC do Porto.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.