Info

PR promete levar ao Governo preocupações dos técnicos de diagnóstico e terapêutica

| Política
Porto Canal com Lusa

Porto, 10 nov (Lusa) - O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, prometeu hoje fazer chegar ao Governo as preocupações dos técnicos superiores de diagnóstico e terapêutica, em greve há nove dias, e que lutam pelo reconhecimento da sua carreira profissional.

"Percebo a situação, ouvi o que me disseram e levarei a questão. Imagino o que sofreram no período de crise e percebo que quando há uma folga financeira os diversos setores digam que já chega de constrangimentos. Mas também ouço tantas vezes utentes a queixarem-se que chegam de longe para fazer um exame e não o fazem", observou Marcelo Rebelo de Sousa.

O Presidente da República falava após ter sido interpelado por um grupo de pessoas que o aguardava junto às novas instalações da Escola Superior de Saúde do Politécnico do Porto, equipamento que o chefe de Estado inaugura esta tarde.

Os técnicos superiores de diagnóstico e terapêutica entregaram ao Presidente da República uma carta, a mesma que dizem ter entregado há cerca de uma semana ao primeiro-ministro, António Costa, na qual fazem reivindicações que passam, por exemplo, pelo "reconhecimento da sua carreira profissional".

O chefe de Estado mostrou-se sensível às preocupações dos profissionais, mas ao mesmo tempo questionou: "Estando em greve indeterminada, pensam nos milhares de pessoas que precisam de exames e não os conseguem fazer? Não podiam interromper a greve de quando em vez?".

Em resposta, os técnicos garantiram que têm cumprido os serviços mínimos e lamentaram viver numa "dicotomia de sentimentos": "A luta pela carreira profissional e o bem-estar dos utentes".

PYT // ZO

Lusa/Fim

+ notícias: Política

Marcelo Rebelo de Sousa pede a Bombeiros e Governo que evitem afirmações que dificultem o diálogo

O Presidente da República apelou este domingo, a propósito do conflito entre Liga dos Bombeiros e Governo, para que todos os intervenientes evitem afirmações públicas que dificultem o diálogo neste "domínio muito sensível" da Proteção Civil.

Autarcas do Norte apresentam projeto para criar linha ferroviária Vale do Sousa

Vai ser apresentado, na próxima segunda-feira, um estudo preliminar sobre a desejada linha ferroviária do Vale do Sousa. Uma linha com 36 quilómetros que poderá custar cerca de 300 milhões de euros mas que pretende atravessar Valongo, Paredes, Paços de Ferreira, Lousada e Felgueiras.

Presidência da República confirma presença de Marcelo na posse de Jair Bolsonaro

A Presidência da República confirmou este sábado que o chefe de Estado, Marcelo Rebelo de Sousa, estará presente na posse de Jair Bolsonaro como Presidente do Brasil, no dia 01 de janeiro, em Brasília.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.