Info

IGCP quer arrecadar até 1.500ME na última emissão de curto prazo do ano

| Economia
Porto Canal com Lusa

Lisboa, 10 nov (Lusa) - Portugal vai ao mercado na próxima semana para emitir até 1.500 milhões de euros, através de dois leilões de Bilhetes do Tesouro a seis meses e a um ano, foi hoje anunciado.

Num comunicado divulgado hoje, a Agência de Gestão da Tesouraria e da Dívida Pública (IGCP) adianta que vai realizar no próximo dia 15 de novembro, pelas 10:30, dois leilões de Bilhetes do Tesouro com maturidades em 18 de maio de 2018 e 16 de novembro de 2018, com um montante indicativo global entre 1.250 milhões e 1.500 milhões de euros.

De acordo com o programa de financiamento do quarto trimestre de 2017, esta é a última emissão de dívida de curto prazo prevista até ao final do ano.

Nos últimos leilões comparáveis de Bilhetes do Tesouro, que ocorreram no final de setembro, o IGCP colocou 500 milhões de euros a seis meses com uma taxa de juro de -0,363% e 1.250 milhões a um ano com uma taxa de juro de -0,345%.

SP // CSJ

Lusa/fim

+ notícias: Economia

Trabalhadores dos CTT lançam petição para Estado entrar no capital social

Um grupo de trabalhadores dos CTT lançou este domingo uma petição a pedir a participação do Estado no capital social da empresa privada para defesa do Serviço Universal Público e a recolha de assinaturas decorre até 31 de dezembro.

Subida do salário mínimo para 635 euros no Estado abrange 70 mil

O Ministério das Finanças estima que o aumento da remuneração mínima na administração pública, de 580 para 635 euros, proposta na sexta-feira aos sindicatos, abranja "cerca de 70 mil trabalhadores no próximo ano", disse este sábado fonte oficial à Lusa.

Um quarto da reprogramação do Portugal 2020 no terreno "nas próximas semanas"

O ministro do Planeamento e das Infraestruturas, Pedro Marques, garantiu esta sexta-feira que um quarto da reprogramação do Portugal2020 “irá para o terreno nas próximas semanas”.

Atualizado 08-12-2018 12:19

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.