Info

Síria: Estado Islâmico contra-ataca e recupera 50% do último bastião perdido

| Mundo
Porto Canal com Lusa

Beirute, 10 nov (Lusa) -- O grupo Estado Islâmico lançou um contra-ataque e conseguiu recuperar quase metade de Boukamal, um dia depois de o exército anunciar a expulsão dos 'jihadistas' deste último bastião na Síria, anunciou o Observatório Sírio dos Direitos Humanos.

"O Estado Islâmico contra-atacou e recapturou mais de 40% da cidade de Boukamal", no leste da Síria, perto da fronteira com o Iraque, disse à imprensa o diretor daquela organização não-governamental, Rami Abdel Rahman.

O exército sírio anunciou na quinta-feira ter recuperado o controlo total de Boukamal, na província de Deir Ezzor, a última cidade na Síria que ainda estava nas mãos do grupo extremista.

Após várias semanas de uma ofensiva apoiada pela aviação russa, as tropas do regime e os seus aliados -- milicianos iraquianos, iranianos e do Hezbollah libanês -- conseguiram entrar em Boukamal na quarta-feira à noite.

"Mas os 'jihadistas' voltaram a entrar e recuperaram vários bairros no norte, nordeste e noroeste" de Boukamal, precisou Rahman, acrescentando que se registam "violentos combates".

MDR (PAL) // FPA

Lusa/Fim

+ notícias: Mundo

Donald Trump volta a defender separação de famílias na fronteira com o México

O Presidente norte-americano, Donald Trump, voltou a defender este sábado a separação de famílias de imigrantes na fronteira com o México, encorajando todos os que "sentem" que vão ser separados a não entrarem no território.

Acidente de viação na Grécia faz 11 mortos, possivelmente migrantes

A polícia grega disse ter recuperado os corpos de 11 pessoas que acredita serem migrantes recentemente chegados da Turquia, depois de o carro em que seguiam ter tido um acidente no norte da Grécia, adiantou a AP.

PR angolano oficializa exoneração de quatro embaixadores incluindo na CPLP

Luanda, 19 out (Lusa) - O Presidente de Angola formalizou hoje a exoneração de quatro embaixadores angolanos na CPLP, México, Grécia e Canadá, anunciada a 10 de setembro último, no prosseguimento do processo de encerramento de missões diplomáticas e consulares.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.