Jornal Diário Jornal das 13 Último Jornal

Provável novo chanceler da Áustria não tem idade para ser Presidente

| Mundo
Porto Canal com Lusa

Viena, 13 out (Lusa) -- O provável futuro chefe do Governo austríaco, Sebastian Kurz, não tem idade para se candidatar à presidência do seu país.

Todas as sondagens dão a vitória ao partido de Kurz, o ÖVP (conservador), nas legislativas do próximo domingo. Essa vitória elevará, Kurz, aos 31 anos, completados em agosto, ao cargo de chanceler (tal como Portugal, a Áustria tem um mínimo de idade de 35 anos para a presidência, mas não para outros cargos políticos).

Será um triunfo pessoal do "wunderkind" (menino-prodígio) da política austríaca. Antes de Kurz assumir a liderança do partido, em maio, o ÖVP era terceiro nas sondagens, atrás dos seus parceiros de coligação socialistas e da extrema-direita. A sua ascensão resultou num salto de dez pontos na sondagens para o partido.

A campanha de Kurz foi muito personalizada. Nem o nome nem a sigla do partido aparecem em muitos dos cartazes do ÖVP -- só a referência a "Kurz 2017".

A votação de domingo será o zénite de uma carreira política rápida e fulgurante. Nascido em Viena em 1986, Kurz começou por se destacar na juventude partidária do ÖVP. Esse protagonismo valeu-lhe, em 2011, a nomeação para o recém-criado posto de secretário de Estado da Integração. Dois anos depois, foi promovido a ministro dos Negócios Estrangeiros -- o mais jovem de sempre da União Europeia.

Como chefe da diplomacia austríaca, Kurz foi anfitrião das negociações do acordo nuclear entre o Irão e o Ocidente. Kurz também assumiu uma posição de linha dura na crise dos refugiados, entrando em choque com a vizinha Alemanha.

Em maio deste ano, o então líder do ÖVP, Reinhold Mitterlehner, demitiu-se. Kurz era já o seu sucessor natural, mas só aceitou o posto depois de impor uma série de condições. Kurz obteve poderes invulgares para o líder de um partido austríaco -- por exemplo, a autoridade de definir as listas de candidatos, contornando as lideranças do partido a nível estadual.

"Sou jovem e portanto impaciente", disse Kurz numa entrevista ao jornal "Die Presse".

PGR // PJA

Lusa/fim

+ notícias: Mundo

Pelo menos quatro mortos e sete feridos em colisão de comboio com autocarro em França

Pelo menos quatro pessoas morreram e sete ficaram feridas com gravidade na sequência de uma colisão entre um comboio e um autocarro escolar no sudoeste de França, noticiou hoje a agência France Presse.

Vladimir Putin irá como independente às presidenciais russas de março de 2018

O Presidente russo, Vladimir Putin, anunciou hoje que irá apresentar-se às eleições de março de 2018 como candidato independente, ao falar na tradicional conferência de imprensa anual no Kremlin.

EUA aprovam fim da 'neutralidade da internet' perante protestos de ativistas

Washington, 14 dez (Lusa) - A Comissão Federal de Comunicações norte-americana aprovou hoje uma norma sobre o serviço de internet que acaba com a "neutralidade da rede", permitindo que as fornecedoras de internet alterem a velocidade do tráfego de sites específicos.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

DESCUBRA MAIS