Info

Euribor mantêm-se a 3, 6 e 12 meses e caem a nove meses

| Economia
Porto Canal com Lusa

Lisboa, 12 out (Lusa) -- As taxas Euribor mantiveram-se hoje a três, seis e 12 meses e desceram a nove meses em relação a quarta-feira.

A Euribor a três meses, em valores negativos desde 21 de abril de 2015, manteve-se hoje pela sétima sessão consecutiva em -0,329%, contra o atual mínimo de sempre, de -0,332%, registado pela primeira vez em 10 de abril.

A taxa Euribor a seis meses, a mais utilizada em Portugal nos créditos à habitação e que entrou em terreno negativo pela primeira vez em 06 de novembro de 2015, também se manteve, ao ser fixada em -0,274%, contra o atual mínimo de sempre, de -0,275%, verificado pela primeira vez em 08 de setembro.

A nove meses, a Euribor foi hoje fixada de novo em -0,222%, menos 0,001 pontos e atual mínimo de sempre, registado pela primeira vez em 9 de outubro.

No prazo de 12 meses, a taxa Euribor, que desceu para valores abaixo de zero pela primeira vez em 05 de fevereiro de 2015, foi hoje fixada de novo em -0,181%, o atual mínimo de sempre registado pela primeira vez em 10 de outubro.

As Euribor são fixadas pela média das taxas às quais um conjunto de 57 bancos da zona euro está disposto a emprestar dinheiro entre si no mercado interbancário.

MC // ATR

Lusa/Fim

+ notícias: Economia

Portugal importou mais de 300 mil toneladas de peixe este ano e exportou 153 mil toneladas

Portugal já importou mais de 300 mil toneladas de peixe este ano, o equivalente a 1.295.160 euros, maioritariamente oriundo de Espanha, Suécia, Países Baixos e China, segundo os dados compilados pelo Observatório do Mercado Europeu da Pesca e da Aquicultura.

Novas regras para alojamento local entram em vigor no domingo

O diploma que permite às câmaras municipais e às assembleias de condóminos intervirem na autorização do alojamento local entra em vigor no domingo, permitindo a fixação de “áreas de contenção” para “preservar a realidade social dos bairros e lugares”.

Vistos Gold: Investimento cai 5% em setembro para 37 milhões de euros

O investimento resultante da atribuição de vistos 'gold' caiu 5% em setembro, em termos homólogos, para 37 milhões de euros, e 19% face a agosto, de acordo com os dados estatísticos do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF).

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.