Jornal das 13 Jornal Diário Último Jornal

Retirado do mercado medicamento para a rinite alérgica

Retirado do mercado medicamento para a rinite alérgica
| País
Porto Canal com Lusa

Um lote do medicamento para a rinite alérgica e urticária Levocetirizina Fair-Med 5mg, da empresa Fair-Med Healthcare GmbH, vai ser retirado do mercado por terem sido detetados resultados fora dos limites de especificação para uma impureza.

Segundo a Autoridade Nacional para o Medicamento (Infarmed), a comercialização foi suspensa e a empresa fará a recolha voluntária do lote n.º E16370A, com validade até setembro de 2019.

Os doentes que utilizem medicamentos do lote indicado não devem interromper o tratamento, mas sim contactar o médico para substituir o lote ou o fármaco por um medicamento alternativo.

O Infarmed acrescenta que as entidades que têm em stock embalagens pertencentes ao lote afetado devem devolvê-las, não as podendo vender, dispensar ou administrar.

+ notícias: País

Mais de dez mil já assinaram petição a pedir demissão da presidente da Raríssimas

A petição pública que pede a "demissão imediata" da presidente da Associação Raríssimas atingiu mais de dez mil assinaturas um dia depois de ter sido criada, após as denúncias de alegadas irregularidades na gestão financeira da instituição.

Pedrógão Grande: Segundo comandante de Operações de Socorro de Leiria constituído arguido

O segundo comandante distrital de Operações de Socorro de Leiria, Mário Cerol, foi constituído arguido na sequência de um inquérito ao incêndio de Pedrógão Grande, que deflagrou no dia 17 de junho, confirmou o próprio à agência Lusa.

Igreja Universal do Reino de Deus nega acusações de que manteve esquema de tráfico de crianças portuguesas

A Igreja Universal do Reino de Deus (IURD) afirmou hoje que as acusações de rapto e de um esquema de adoção ilegal de crianças portuguesas num lar mantinha em Lisboa são fruto de "uma campanha difamatória e mentirosa".

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

DESCUBRA MAIS