Jornal Diário Jornal das 13 Último Jornal

2.ª Festa do Livro em Belém de 21 a 24 deste mês com homenagem a Maria Barroso

| País
Porto Canal com Lusa

Lisboa, 13 set (Lusa) - O Palácio de Belém vai abrir as suas portas entre 21 e 24 deste mês para a 2.ª Festa do Livro, que nesta edição terá uma homenagem à atriz e fundadora do PS Maria de Jesus Barroso.

O humorista Ricardo Araújo Pereira e a cantora e compositora Luísa Sobral também vão participar nesta Festa do Livro, uma iniciativa do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, destinada a promover a leitura, com uma programação cultural que inclui teatro, poesia, debates, música e cinema.

Na noite de sexta-feira, dia 22, vai ser exibido no Pátio dos Bichos o filme "Mudar de Vida", de Paulo Rocha, realizado em 1966, no qual Maria Barroso interpreta o papel de Júlia - numa homenagem à mulher do antigo Presidente da República Mário Soares.

Em declarações à agência Lusa, Pedro Mexia, assessor cultural do Presidente da República, considerou que "correu praticamente tudo bem" na primeira edição da Festa do Livro, e disse que por isso o formato se mantém: "Não queremos mexer no que correu bem".

Realizada em parceria com a Associação Portuguesa de Editores e Livreiros (APEL), esta iniciativa inédita levou no ano passado cerca de 24 mil pessoas aos jardins do Palácio de Belém, em Lisboa, e este ano repete-se novamente com a presença de mais de 40 editoras.

Pedro Mexia adiantou, contudo, que a organização está preocupada em reduzir as filas de espera para entrar no palácio que se registaram em 2016, disponibilizando este ano "mais portas de acesso", mas salientou que está condicionada pelas regras de segurança de acesso ao espaço deste órgão de soberania.

O chefe de Estado deverá juntar-se à Festa do Livro em vários momentos, desde logo na cerimónia de abertura oficial, no dia 21, quinta-feira, ao final da tarde, para assistir à leitura encenada do "Auto da Barca do Inferno", escrito por Gil Vicente há 500 anos, por atores do Teatro Nacional D. Maria II.

Nesta 2.ª Festa do Livro haverá três painéis de debate, o primeiro com os autores Isabela Figueiredo, Marcello Duarte Mathias e Maria Antónia Oliveira, sobre o "eu" em literatura, moderado pelo jornalista Luís Caetano.

O segundo debate será sobre o futuro do jornalismo, com Clara Ferreira Alves, Isabel Lucas e Paulo Moura e moderação de Carlos Vaz Marques, no sábado, dia em que a Lisbon Poetry Orchestra subirá ao palco do Pátio dos Bichos.

No domingo, o professor universitário e escritor Abel Barros Baptista e o humorista e cronista Ricardo Araújo Pereira vão conversar sobre humor e literatura, com moderação de Pedro Mexia, antes do encerramento da festa, à noite, com um concerto de Luísa Sobral.

IEL// ATR

Lusa/Fim

+ notícias: País

Ordem dos Médicos averigua acesso indevido a dados de doentes no Hospital do Barreiro

A Ordem dos Médicos vai averiguar a alegada criação de falsos perfis médicos no Centro Hospitalar Barreiro Montijo que permite que profissionais não médicos acedam a processos clínicos.

Incêndio na zona de Badajoz que mobilizou meios portugueses está extinto

O incêndio rural de grandes dimensões que lavrou este sábado na zona de Badajoz (Espanha) e que mobilizou meios portugueses, foi considerado extinto cerca das 15:00, disse à agência Lusa fonte da Proteção Civil.

Professores indicam adesão de 96% à greve e desafiam ministro a convocar negociações

Com 96% dos conselhos de turma travados pela greve às avaliações na primeira semana da paralisação, a Fenprof respondeu esta sexta-feira ao repto do ministro da Educação, reiterando disponibilidade para negociar, "mas só o que tem que ser negociado".

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.