Jornal Diário Jornal das 13 Último Jornal

PIB da zona euro acelera crescimento homólogo para 2,2% no 2.º trimestre

PIB da zona euro acelera crescimento homólogo para 2,2% no 2.º trimestre
| Economia
Porto Canal com Lusa

O Produto Interno Bruto (PIB) da zona euro cresceu 2,2% no segundo trimestre face ao mesmo período de 2016 e 0,6% em relação ao trimestre precedente, segundo a estimativa 'flash' do Eurostat divulgada esta quarta-feira.

No conjunto da União Europeia (UE), o PIB no segundo trimestre cresceu 2,3% face ao mesmo período de 2016 e também 0,6% em relação trimestre precedente.

No primeiro trimestre deste ano, o PIB da zona euro tinha registado um crescimento de 1,9% relativamente ao mesmo período de 2016 e 0,5% face ao trimestre anterior.

No conjunto dos 28 países da UE, no primeiro trimestre deste ano o PIB cresceu 2,1% face ao mesmo período de 2016 e 0,5% face ao trimestre precedente.

Em Portugal, o PIB registou uma subida homóloga de 2,8% no segundo trimestre e uma evolução em cadeia de 0,2%, o que compara com 2,8% e 1,0%, respetivamente, no primeiro trimestre.

Por países, a República Checa (2,3%), Suécia (1,7%) e Roménia (1,6%) registaram os crescimentos em cadeia mais altos do PIB de abril a junho, enquanto as maiores subidas homólogas aconteceram na Letónia (4,8%), República Checa (4,5%) e Polónia (4,4%).

+ notícias: Economia

Desemprego registado cai 16% em janeiro em termos homólogos e sobe 2,9% face a dezembro

O número de desempregados inscritos nos centros de emprego baixou 16% em janeiro, face a igual mês de 2017, para 415.539 pessoas, subindo 2,9% (11.768) face ao mês anterior, segundo dados divulgados esta quarta-feira pelo IEFP.

Ryanair espera crescimento de 6% em Portugal este ano e cria 14 novas rotas

A companhia aérea Ryanair estima um crescimento de 6% em Portugal a partir do final deste ano, altura em que vai lançar 14 rotas para os cinco aeroportos do país, visando transportar 11 milhões de passageiros por ano.

Prestações de desemprego cairam 13,1% em janeiro, abrangendo 192.331 pessoas

O número de desempregados a receber subsídios caiu 13,1% em janeiro, face ao mesmo mês do ano passado, e subiu 3,8% relativamente a dezembro de 2017, para os 192.331, divulgou esta terça-feira a Segurança Social.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

RELACIONADAS

DESCUBRA MAIS